Fundo azul, com uma chamada para um PlayStation 5 no centro. À esquerda, a frase “Ofertas de verdade, lojas seguras e os melhores preços da internet.” À direita, “Baixe o app do Promobit”.

Roku Express: A caixinha de streaming mais barata do Brasil

Mão em primeiro plano segurando um controle remoto. Ao fundo, TV com a página inicial do Roku aberta em uma TV, mostrando alguns canais instalados.

Na última Black Friday, peguei um Roku Express por R$ 180. Era a caixinha de streaming mais barata na ocasião e, ainda hoje, em junho de 2022, continua sendo a mais acessível do Brasil — é possível encontrá-la sem esforço por ~R$ 200. O preço ótimo, mas o Roku Express funciona bem?

Se preferir, veja em vídeo:

A resposta é: sim, funciona bem. Comprei o Roku Express para usar em uma TV antiga, que é “smart”, mas há muito deixou de receber novos aplicativos e atualizações dos que ela oferece. A pequena caixinha da Roku ressuscitou a TV.

O Roku Express é posicionado para esse caso de uso, ou seja, ressuscitar ou estender a vida útil de TVs antigas. Por isso, sua resolução é Full HD (1080p). Ele até funciona em TVs 4K, mas sem alcançar a resolução máxima do painel da TV.

Se você tiver uma TV 4K, é bem provável que o sistema nativo dela seja uma escolha melhor por ora — ao menos até alguns meses ou anos depois dele ser abandonado pela fabricante.

A caixa do Roku Express vem com todos os acessórios necessários, incluindo as pilhas do controle remoto e os dois cabos, um HDMI e um USB.

O aparelho em si é minúsculo. Tão pequeno que pode ser grudado ao lado da TV (vem uma fita adesiva para isso). É necessário deixá-lo à vista porque, ao contrário dos Chromecasts, o Roku Express se comunica com o controle via infravermelho1. Qualquer obstáculo entre controle e caixinha ligada à TV prejudica o recebimento dos comandos.

O controle remoto é pequeno, leve e com bom número de botões 2, que por sua vez têm um “clique” bom, firme e confortável. Um detalhe legal é o selo da Roku na parte inferior do controle. Parece um detalhe bobo, mas ele ajuda a apontar o controle na direção certa no escuro, sem ter que olhar, apenas pelo tato.

Mão exibindo o controle remoto do Roku Express.
Foto: Rodrigo Ghedin/Manual do Usuário.

O Roku Express usa um sistema próprio da Roku, que vez ou outra recebe atualizações. A navegação é ágil e é possível alternar entre os canais (como são chamados os aplicativos ali) sem muita demora.

A qualidade da experiência varia de acordo com o canal, porém. Todos exibem vídeos sem sustos e a maioria dos canais que testei e a que tenho acesso funciona muito bem, mas faço uma ressalva aos canais HBO Max e Paramount Plus, que são mais lentos e, no caso do da Paramount, já travou o sistema por completo duas ou três vezes.

A oferta de canais, aliás, é bem generosa. Tem os principais serviços de streaming (com exceção do Star+, da Disney); os gratuitos, como YouTube, Pluto TV (Viacom) e Vimeo; e vários menos famosos, como os ótimos brasileiros Belas Artes À La Carte e Reserva Imovision. Tem até alguns serviços de música, como Apple Music, Spotify e Deezer, estão disponíveis.

Apesar de gostar do sistema, tem algumas coisas que poderiam ser melhores. O gerenciamento de idiomas e legendas é errático. Ao trocar o idioma em um canal/streaming, a configuração é replicada nos outros. Nesse aspecto, o sistema da Roku não é tão esperto.

Outro ponto de atenção diz respeito à privacidade. A Roku exibe um grande anúncio na tela inicial, de seleção de canais, que ocupa quase metade da tela.

Até aí, tudo bem. O problema é que a empresa coleta muitos dados durante o uso do dispositivo. Com a ajuda do Pi-Hole, consigo monitorar os dados coletados pela Roku. O volume chama a atenção, é bem alto.

Para amenizar isso, recomendo o uso de algo como o Pi-Hole, ou seja, um bloqueador de conteúdo no nível da rede. Ou desencanar, afinal, um dos motivos do Roku Express ser barato é a expectativa que a empresa tem de gerar receita após a venda.

Visão de cima do Roku Express sobre um rack de madeira, atrás de uma TV, com cabos saindo de trás dele.
Foto: Rodrigo Ghedin/Manual do Usuário.

Pelo preço, o Roku Express compensa um bocado a quem tem uma TV velha, mas que ainda entrega boa qualidade de áudio e vídeo.

Minha TV estava sofrendo para rodar os dois serviços de streamings aceitáveis que ainda funcionavam nela (Netflix e YouTube) e já não recebia novos aplicativos e atualizações havia anos, o que me impedia de usufruir de coisas como HBO Max (novo) e MUBI (aplicativo abandonado). Agora, tenho acesso a tudo e, de quebra, os menus e controles da TV ficaram um tiquinho mais rápidos com ela desconectada da internet. Só vantagens.

  1. A Roku oferece um aplicativo para Android e iOS que serve controle remoto. Funciona, e em alguns cenários, como na digitação de senhas e termos de pesquisa, é ótimo, mas prefiro o controle remoto dedicado no dia a dia.
  2. Até demais, para o meu gosto, incluindo aqueles horríveis de acesso direto a certos serviços de streaming.

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Dúvidas? Consulte a documentação dos comentários.

14 comentários

  1. Em casa, fomos de Amazon Fire Stick. Um 4K e um Full HD. Ainda há buracos, sendo a principal ausência o Globoplay. Mas é um sistema extremamente fluído, rápido e com o benefício de poder instalar após de fora da loja. Emular jogos de PS1 num aparelho daquele tamanho é algo que era impensável para mim há uns bons anos atrás.

  2. Comprei um recentemente e estou gostando bastante. Havia comprado um Chromecast no fim do ano passado mas logo devolvi. A conexão com iPhone era péssima, o espelhamento sempre falhava e era muito frustante. Com o Roku tem sido só felicidade, os apps são rápidos, as funções do controle são excelentes e ainda tem suporte ao AirPlay, que uso bastante.

  3. Fui assinante de TV a cabo/satélite/MMDS por mais de 20 anos, por gostar de esportes além do futebol (esse passa em TV aberta) e filmes. Mas com preços absurdos e pacotes esdrúxulos, migrei pra DirecTv assim que lançou.

    Então começou a saga pra verificar como ver na TV.
    – celular conectado via HDMI: trabalhoso
    – chromecast: Directv não tem suporte
    – Android Box MXQ Pro 4K 5G: MUITO LENTO (trava em jogos ao vivo)
    – Roku: só felicidade.

    Agora, temos 2 Rokus Full HD, 1 Roku 4k e uma TV Roku

  4. Uma pergunta boba: pra quem já usa chromecast, tem alguma vantagem em ter esse aparelho?

    1. sim, o Roku é uso stand-alone, não precisa do celular.
      E tem DirecTv Go, coisa que o Chromecast não aceita.

      1. Tem o Chromecast com Google TV agora, que dispensa uso do celular com seu próprio controle remoto, mas é bem mais caro que o Roku.

  5. Eu tenho um Chromecast faz muito tempo, desde a minha TV antiga (daquelas que tinha até 3D) e hoje em dia quase não utilizo porque a TV nova está aguentando bem os aplicativos.

    Mas ainda acho que a forma de funcionamento dele faz mais sentido dentro desse mundo de TV Box, já que os aplicativos em si estarão sempre atualizados no meu celular e a chance de perder essa funcionalidade com o tempo acaba sendo menor.

    Claro que nem tudo é perfeito já que nem todo aplicativo tem suporte para transmitir e nem todo formato de vídeo é aceito (aí entra o Plex com o transcode). Sei que muitos não gostavam do fato de não ter um controle remoto (o que parece ter nos mais novos).

    1. Para mim, o fato de não precisar de celular e ter DirecTv Go (que o Chromecast não suporta) foram essenciais para comprar o Roku

      1. Pois é, essa falta de suporte de alguns apps é bem ruim.

        Aliás, testei o DirecTv Go nos dias grátis que ganhei e na minha TV (LG) o Aplicativo é bem pesado nela, se fosse continuar teria que correr atrás de outra coisa em breve.

  6. eu comprei 3 desses, 2 pra casa e um pra namorada, e todos gostam muito, nada do que reclamar, a única coisa ruim é que não tem o Star+, mas espero que chegue logo, pq é a única coisa que sinto falta, visto que assino pelo ML e acabo vendo as coisas pelo tablet/pc.

    e o meu modelo (do controle) é um pouco mais antigo que o seu, pois o meu ainda tem o botão dedicado do google filmes (acho que é esse o nome), e os demais eu uso bastante, mas minha namorada não tem o hábito, então ela sempre aperta a casinha e depois vai pra netflix, em vez de clicar direto no botão da netflix.

    1. Reza a lenda que tá começando a ser liberado nas terras hermanas, não deve tardar pra chegar por aqui

Compre dos parceiros do Manual:

Manual do Usuário