Bloco de notas #4

23/8/19, 9h54

23/8/19 Comente

Notas curtas e curiosidades do mundo da tecnologia que publicaria no Twitter se o Twitter fosse uma rede legal. (Não é.)

***

O Google propôs um novo modelo de privacidade na web [Google, em inglês] como alternativa aos cookies pervasivos que rastreiam e monitoram usuários atualmente. A retórica terrorista do anúncio beira o inacreditável: “Primeiro, o bloqueio de cookies em larga escala destrói a privacidade das pessoas ao encorajar técnicas obscuras como o fingerprinting.” Parece um gângster dizendo que pagar pedágio é ruim, mas que sofrer as consequências do não pagamento seria pior. Confiar a nossa privacidade ao Google equivale ao proverbial “deixar a raposa cuidando do galinheiro”.

Continuar lendo Bloco de notas #4

Bloco de notas #3

16/8/19, 9h54

16/8/19 5 comentários

Tweet: "Não sei se isto vai tweetar estou falando com minha geladeira mas que droga minha mãe confiscou todos os meus eletrônicos de novo".
A revolução será feita em geladeiras. Imagem: Twitter/Reprodução.

Uma menina avisou seus seguidores no Twitter que ficaria ausente da rede social porque sua mãe confiscara seu celular. Mandou a mensagem por um Nintendo 3DS. A mãe descobriu e confiscou o video game também. Dias depois, ela reapareceu na rede social tuitando de uma geladeira [Twitter, em inglês]. A história, descobriu-se após enorme repercussão, é lorota [BuzzFeed News, em inglês], mas uma lorota divertida e, convenhamos, absolutamente crível — não à toa, um monte de gente acreditou.

→ Isto me fez lembrar da geladeira inteligente que perdeu o acesso ao Google Agenda [Manual do Usuário]. Profético, escrevi na época (2015): “Ainda sentiremos saudade do tempo em que, você sabe, pais davam celulares a seus filhos na esperança de receberem em troca um pouquinho de atenção e amor. No futuro, geladeira inteligente será o mínimo”.

→ Nos Estados Unidos, alguns donos de fornos inteligentes da June relataram que eles ligaram sozinhos no meio da noite e pré-aqueceram a mais de 200º C [The Verge, em inglês]. Em caso de incêndio, dá para chamar os bombeiros pelo Twitter da geladeira?

Continuar lendo Bloco de notas #3