Anúncio Black Friday na Insider: descontos exclusivos na máscara antiviral

YouTube colocará anúncios mesmo em vídeos de canais que não querem veiculá-los

Somente canais de parceiros do YouTube, canais com uma quantidade mínima de inscritos e horas visualizadas e que sinalizam interesse no programa, veiculavam anúncios na plataforma de vídeos do YouTube. Isso mudou. Uma atualização dos termos de serviço publicada nesta quarta (18) informa que, aos poucos, o YouTube passará a inserir anúncios mesmo em canais que não são monetizados — e sem dividir a receita gerada por eles com seus proprietários.

O YouTube diz que esta medida “é parte dos nossos investimentos contínuos em novas soluções que ajudem os anunciantes a alcançar, com responsabilidade, a escala total do YouTube para se conectarem com suas audiências e aumentarem seus negócios”.

Uma semana depois de anunciar o fim da gratuidade do Google Fotos, o Google faz outro movimento similar no YouTube. Via Social Media Today, YouTube (em inglês).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

11 comentários

  1. Rodrigo, você podia aproveitar o assunto pra divulgar alternativas ao YouTube. Seria mais um serviço legal entre os que você presta a nós internautas.

    1. Para hospedagem de vídeo existem soluções como Vimeo e o PeerTube. O problema é que não existe alternativa para a plataforma YouTube, ou seja, um lugar onde se descobre vídeos. Acho que esse é o maior problema: concentramos muita coisa no YouTube e agora somos meio que dependentes dele para vídeo na internet.

      1. Pois é. Há um universo alternativo cheio de coisas interessantes – PeerTube, DTube, pra não falar em Signal, Mastodon, Vero, Diaspora etc. etc. Mas são todos lugares em que você chega todo contente e, pouco tempo depois, a sensação de liberdade dá lugar à de solidão. Ninguém vai lá, todo mundo está apinhado nos Youtube e Facebook da vida.

        1. Pois é. Passamos anos e anos acreditando e confiando em Facebook, Youtube, Google, achando que a gente nunca ia ser afetado pelas regrinhas das plataformas. Bom, agora o resultado está aí.

          Alternativas com o mesmo tamanho e peso não aparecem da noite para o dia e podem levar anos para ficar grande. O Facebook há 10 anos atrás ninguém ouvia falar nele. Estávamos mais preocupados em ocupar o topo dos depoimentos no perfil da ~#Ana Mulekinha#~ no “Novo Orkut”.

      2. O Peer Tube é bem legal! Aliás a Framasoft é bem interessante, eles têm um posicionamento ético e político e um número tão grande de sites que vale a pena fazer uma reportagem de fôlego sobre o assunto no Manual do Usuário!

  2. Mas isso se aplica a quem tem Youtube Premium? Pois eu faço questão de pagar para não ter que ter estas propagandas infernais…

  3. A economia está retraíndo…

    E provavelmente se bobear, o Google vai bloquear acesso a quem usa bloqueador de anúncio…

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!