O que tem na mochila do Fabrício Vitorino.

O que tem na sua mochila, Fabrício Vitorino?


5/12/16 às 9h43

Foto de Fabrício Vitorino.

Fabrício Vitorino é editor-chefe do TechTudo, da Globo.com, professor de língua e literatura russa da UFRJ e pai do João e do Theo. Leitor compulsivo, músico ocasional, triatleta de academia, mestre e doutorando em Rússia pela USP e viciado em novas tendências do jornalismo. Vive entre a redação, a ponte aérea FFLCH – FL/UFRJ e as viagens, seja trabalho ou turismo. Pode ser encontrado raramente no Falando Russo, ocasionalmente no Medium, discretamente no TechTudo — e sempre no Twitter e no Instagram.

  1. MacBook Pro (2011). O notebook de trabalho, um tanque que me acompanha desde que comecei no TechTudo. Com SSD de 240 GB Kingston Fury e adesivos como troféus (Vladivostok, Zugspitze, USP, Facebook e GoPro), já rodou o mundo comigo.
  2. Bateria portátil Samsung. Com 11300 mAh, esse troféu da IFA Berlim 2014 garante dias e dias longe da tomada.
  3. Smartphone OnePlus 2. Ok, ele vai no bolso. Mas também vai na mochila. O “matador de flagships”, de 2014, ainda é um dos melhores celulares do mundo.
  4. Livros. Sempre tenho um, dois ou mais comigo. Geralmente, um de literatura e outros profissionais ou mais leves. No momento, uma tradução de Dostoiévski, Memórias do Subsolo; o Executivo Sincero, de Adriano Silva e Engaged Journalism, de Jake Batsell.
  5. Estojo. Com lápis e canetas Stabilo coloridas. Um vício.
  6. Fone Monster N-Lite. Presença constante na mochila, substitui os “falecidos” Urbanears Bagis e o JBL Synchros. E faz dupla com o eterno over-ear Jabra Revo Wireless.
  7. Necessáire. Com pente, escovas de dente, pasta, desodorante e hidratante nasal.
  8. Pen drive SanDisk Connect Wireless. Nem sempre ele funciona, mas está lá.
  9. Moleskine (pequeno, vermelho). Muitas vezes, importa mais a caligrafia, o desenho, do que a mensagem. E aí o papel é imbatível.
  10. Moleskine (grande, preto). Aí vão as anotações sobre aulas, alunos, reuniões e coisas mais sérias.
  11. Pastas. São itens eventuais: ali vão exercícios e textos, em geral, material para as aulas língua russa na UFRJ.
  12. Crachá. Há 10 anos, desde que entrei na Globo.com, ele está sempre comigo :)
  13. Óculos de Sol Chilli Beans. Bom e barato.
  14. Óculos e sunga de natação Speedo e touca TYR. A piscina está sempre ali e seus azulejos precisam ser contados.
  15. Mochila(s). Uma Wollner jeans, mais versátil e com mais compartimentos, e uma Jerusalem Steve’s Packs, mais leve, menor e mais nostálgica e cult.
O que tem na mochila do Fabrício Vitorino.
Clique para ampliar.

Nota do editor: “Na mochila” é uma seção semanal do Manual do Usuário que apresenta o interior das bolsas e mochilas de leitores, colegas e amigos. Veja as outras mochilas já publicadas e mande a sua.

Colabore
Assine o Manual

Privacidade online é possível e este blog prova: aqui, você não é monitorado. A cobertura de tecnologia mais crítica do Brasil precisa do seu apoio.

Assine
a partir de R$ 9/mês