Mostre a sua mesa de trabalho #14


11/4/16 às 18h51

Nesta seção do Manual do Usuário os leitores revelam o que têm e usam em suas mesas de trabalho para cumprir suas demandas.

Na edição de hoje veremos as mesas do João Paes Neto e do Victor Benincasa. (Veja as outras já publicadas aqui.) As descrições a seguir são deles próprios, apenas com eventuais correções e adaptação de estilo.


João Paes Neto

Mesa de trabalho do João Paes Neto.
Local: home office. (Clique para ampliar.)

Da esquerda para a direita:

  • Pacote de estudos com caderno Star Wars, caderninho do Liverpool e estojo;
  • Capacete do Master Chief de Halo 3 — ele é um porta DVDs e até existem tutorias que ensinam como fazer para que ele vire um item de cosplayer, mas, não, obrigado;
  • Livros que preciso acabar/começar: o que aparece é Conversas com Kubrick, de Michel Ciment e ele está sobre a autobiografia de Kim Gordon;
  • Em cima dos livros estão meus fones: o AIAIAI Capital, que aguenta chuva, tem um design fácil de guardar e uma ótima qualidade de som e os EarPods, que… bem, pelo menos são portáteis ao extremo;
  • iPhone 5s com case carregador da Belkin;
  • Pebble clássico apoiado numa outra capinha do iPhone;
  • HD externo;
  • O Sonic de pelúcia (Sega <3) e um iPad 3 em seu estojo.

Pulei o iMac (27”, mid-2011) por ter uma curiosidade grande: na parte de cima da moldura (dá para ver na foto) ele tem um trincado. Por isso o comprei de um antigo chefe com um belo desconto. Ele veio com o teclado fino e sem fio que eu até tentei usar, mas acabou pifando. Aí coloquei esse velho de guerra, só que com teclado numérico.

O mouse é um Sculpt Touch, da Microsoft. O melhor mouse que eu usei na vida e vou continuar o levando para todas as máquinas que comprar.


Victor Benincasa

Mesa de trabalho do Victor Benincasa.
Local: home office. (Clique para ampliar.)

Mesa de trabalho de meu home office, de onde trabalho parte da semana gerenciando
sistemas e servidores abrigados em datacenter.

O computador principal é um Intel Core i7 4770k com:

  • Overclock a 4,2GHz;
  • 8 GB RAM;
  • 2 HDs de 1 TB configurados em RAID1 (para espelhamento de dados);
  • Placa de vídeo GeForce GTX 650 Ti ligada a dois monitores de 21,5″ e resolução Full HD;
  • TV LG de 42″ com resolução Full HD e Chromecast para uso eventual;
  • Nobreak SMS Manager III Senoidal 1400VA, com bateria externa de 40 Ah, que garante algumas horas de funcionamento no caso de queda de energia.

A cadeira é uma DXRACER C-SERIES, adquirida na última Black Friday, que chegou após anos de brigas com cadeiras mais baratas que sempre se deformavam. Pelos primeiros meses de uso ela está se saindo uma excelente cadeira.

Ao lado da cadeira está o segundo computador, utilizado no local para eventualidades ou em viagens. Trata-se de um Ultrabook ASUS S46CA (Core i7, 8 GB de RAM, HD de 1 TB e SSD de 24 GB). Máquina muito estável e veloz, apesar da qualidade da tela deixar um pouco a desejar.

Os dispositivos estão conectados a um roteador TP-LINK Tl-WR841HP (alta potência), compartilhando conexões redundantes Vivo Fibra (100 Mb/s) e GVT (25 Mb/s). (Como agora serão a mesma empresa, logo devo substituir uma delas pela NET.)

Em frente ao telefone há um termômetro para monitorar a temperatura e umidade do ambiente e do no-break, assim o ar condicionado pode salvar a todos nós daqueles dias de calor extremo!


Mande a sua mesa de trabalho

Quer ver a sua mesa de trabalho aqui? Mande um e-mail para ghedin@manualdousuario.net, com o assunto “Mesa de trabalho”, contendo os seguintes itens:

  • Foto grande da mesa. No mínimo em 1440×810, ou seja, proporção 16:9; quanto maior, melhor. Dicas: prefira tirar a foto de dia, com o auxílio do Sol, e se tiver uma câmera dedicada, prefira-a em vez da do smartphone.
  • Local. Onde fica a sua mesa, em casa ou na empresa/escritório? (Se for no seu local de trabalho, por favor, verifique com seu chefe antes se não tem problema. A última coisa que eu quero é causar a demissão de um leitor!) E se for numa empresa e puder, informe também o nome dela.
  • Descrição dos itens. O que tem na mesa, por que essas coisas estão nela, o que é legal/se destaca entre elas… enfim, explique-a para nós. Em texto corrido, com no máximo 500 palavras. (Use o Word ou Google Docs para monitorar o limite.)

Cadê os anúncios?

O Manual do Usuário é um projeto independente, que se propõe crítico e que respeita a sua privacidade — não há scripts de monitoramento ou publicidade programática neste site. Tudo isso sem fechar o conteúdo para pagantes. Essas características são vitais para o bom jornalismo que se tenta fazer aqui.

A viabilidade do negócio depende de algumas frentes de receita, todas calcadas na transparência e no respeito absoluto a você, leitor(a). A mais importante é a do financiamento coletivo, em que leitores interessados sustentam diretamente a operação. A assinatura custa a partir de R$ 5 por mês — ou R$ 9/mês para receber recompensas exclusivas:

Assine no Catarse

Newsletter

Toda sexta-feira, um resumo do noticiário de tecnologia, indicações de leitura e curiosidades direto no seu e-mail, grátis:


Nas redes sociais, notícias o dia todo:
Twitter // Telegram