Windows 10 ganhará um modo de “desempenho definitivo”


15/2/18 às 9h59

A Microsoft anunciou que o Windows 10 para Workstation, uma variante lançada em 2017 para computadores de alto desempenho, ganhará um modo “Desempenho Definitivo” (“Ultimate Performance”, em inglês).

Segundo a empresa, “o Windows desenvolveu áreas críticas onde comprometimentos entre desempenho e eficiência são feitos no sistema” e que, com o tempo, conseguiu “coletar configurações que permitem ao sistema ajustar rapidamente o comportamento com base na preferência do usuário, políticas, hardware e carga de trabalho”.

Na prática, o novo modo, que substitui o de “Alto Desempenho”, “elimina micro latências associadas com técnicas de gerenciamento de energia refinadas”. O recurso não será disponibilizado para equipamentos que funcionam à bateria, pois consome mais energia que o normal.

Apesar de vago, a promessa é interessante. Mas fica a dúvida: por que restringir a uma versão específica do Windows 10 e criar uma nova nomenclatura, em vez de atualizar o velho “Alto Desempenho” e liberar essas melhorias para toda a base?

Acompanhe o Manual do Usuário por e-mail (newsletter), Twitter e Telegram.

4 comentários sobre “Windows 10 ganhará um modo de “desempenho definitivo””

  1. Se não estou enganado, essa versão para workstations não funciona em hardware “comum”. Ou melhor, os recursos que diferenciam essa versão das outras que a gente roda só são compatíveis com hardware de workstations que, em geral, usam componentes mais parrudos que os PCs comuns. Acho que por isso essa novidade vem só para essa versão ao invés de ser liberada para toda a base.

    1. Talvez faça sentido. De fato, a versão Workstation oferece suporte a alguns componentes exclusivos, padrão servidores: https://blogs.windows.com/business/2017/08/10/microsoft-announces-windows-10-pro-workstations/

      Mas a dúvida persiste. Os ganhos dependem desses componentes exclusivos? No comunicado (linkado no post), não há referência a isso. E temos um precedente no próprio Windows 10 — aquele “game mode”, que otimiza o sistema para rodar jogos. Não seria melhor se ele fosse otimizado para… tudo?

      1. Game mode faz o Windows focar no aplicativo em questão e reduzir acesso ao aplicativos rodando em background entre outras coisas. A resposta da sua pergunta é… Sim! Seria melhor se ele fosse otimizado para tudo mas não através da opção de habilitar o gaming mode, pois desse jeito a usabilidade multitasking seria prejudicada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *