Windows 10 será gratuito para todos, até piratas


18/3/15 às 9h46

Terry Myerson, chefe da divisão de sistemas operacionais da Microsoft, anunciou durante a WinHEC, evento da empresa em Shenzen, China, que o Windows 10 será gratuito para todo mundo, inclusive aqueles que usam versões piratas do sistema.

Até então era sabido que o Windows 10 seria gratuito para usuários dos Windows 7, 8 e 8.1, mas apenas de cópias legítimas. O local escolhido para fazer anúncio não foi ao acaso: a pirataria na China é enorme e a base instalada está defasada — dados recentes do StatCounter indicam que 30% dos computadores chineses ainda rodam Windows XP.

Não é a primeira vez que o Windows sai de graça; as versões 8.1 e 8.1 Update foram gratuitas àqueles que tinham comprado o Windows 8 — e esse, foi lançado a um preço promocional de R$ 69 para quem já tinha uma licença original dos Windows XP, Vista ou 7. A gratuidade para usuários piratas, porém, é inédita, fruto da nova estratégia de Satya Nadella que foca no faturamento em cima de serviços e nuvem.

Atualização (20/3, às 8h50): A Microsoft confirmou essa notícia, mas no comunicado enviado à imprensa deixou algumas dúvidas. Parece que usuários piratas serão elegíveis à atualização, mas continuarão… piratas (?).

Colabore
Assine o Manual

Privacidade online é possível e este blog prova: aqui, você não é monitorado. A cobertura de tecnologia mais crítica do Brasil precisa do seu apoio.

Assine
a partir de R$ 9/mês