Post livre #143


20/9/18 às 14h23

Os leitores* pediram e decidi testar a antecipação da abertura do post livre.

Toda semana, o Manual do Usuário publica o post livre, um post sem conteúdo, apenas para abrir os comentários e conversarmos sobre quaisquer assuntos.

* Um leitor, mas a sugestão é boa.

Colabore
Assine o Manual

Privacidade online é possível e este blog prova: aqui, você não é monitorado. A cobertura de tecnologia mais crítica do Brasil precisa do seu apoio.

Assine
a partir de R$ 9/mês

183 comentários

  1. lendo uns topicos no reddit me deparo com isso:

    “My mum was a nursery (so kids 3-4 years old) teacher for 30+ years and her classroom had a computer in it. Most kids would be familiar with the screen/mouse/keyboard when they arrived even at their young age when she taught in the 2000s and it became normal for families to have a home computer. In the last few years before she retired she noticed a trend of kids coming in and not knowing ow to use the mouse or keyboard because they were so used to iPads and touch screens.”

  2. 2017 foi certamente o ano mais movimentado de rumores, notícias e falatório em torno dos novos iPhones. Na primeira semana de janeiro já se especulava como seria o eventual iPhone X.

    2018, por outro lado, foi talvez o ano menos movimentado de toda a história dos iPhones. Até dias antes do evento de setembro quase nada se publicava a respeito.

    Será que isso se consolida ou aquela aura toda volta ano que vem?

    Em 2017, aliás, duas das mais intensas especulações giravam em torno de botão touchID “virtual” sob a tela de vidro e carregamento sem fio à distância. A primeira especulação foi suprimida pelo FaceID. A segunda permanece um mistério. Será que rola ano que vem?

      1. É deveras mais complicado que isso, quando sua filha de 5 anos chega falando do Felipe Neto, porque a amiguinha tem revista do Felipe Neto, álbum do Felipe Neto, etc… Aqui casa não rola Felipe Neto, na escola eles também não empilham as crianças para ver Youtube / TV…. Essa pauta da influência da onipresença da tecnologia nas crianças é muito interessante.

    1. interessante. vamos eleger nossa propria versão do Trump….
      mais um pra entrar na história junto com Collor e Lula.

        1. Pra ver que o cara está tão popular que o partido dele é indiferente para seus eleitores. Ao contrário de certos candidatos que só cresceram nas pesquisas por causa do partido e de apoio de presidiário

          1. Só li verdades hahaha X’D
            Acrescento que Bolsonaro é o candidato dos “revoltados” contra a política tradicional (o que não deixa de ser uma contradição, considerando que ele está na política há quase trinta anos).

          2. Presidiário que tirou 30 milhões de brasileiros da condição de miséria.

            Haddad não está crescendo por causa de um presidiário. Está crescendo por causa de um ex-presidente que dialogou com uma parcela significativa da população. E enquanto não entenderem isso, continuarão lamentando a influência do tal presidiário.

            Não há qualquer paixão nisso. É pura racionalidade.

          3. Hahahaha

            É fácil tirar as pessoas da miséria so mudando o conceito de miséria. Apoiar bandido é dose

          4. Se essas 30 milhões de pessoas não tivessem REALMENTE passado a ter acesso a três refeições por dia não estaria ocorrendo a transferência de votos que você citou

            repito: é por causa de falácias bobas como a que você insiste em propagar que nunca vão entender porque o tal presidiário ainda tem potencial de vencer eleições

          5. Falácia é o que vc esta dizendo. O cara implantou uma política econômica falha, que resultou no endividamento dos pobres (que ele tanto protege) e no enriquecimento dos bancos (que vcs tanto criticam).
            Essa política além de ser muito ruim a médio e longo prazo, não desenvolve país algum e somente causa uma impressão de solução instantânea. Além disso ele assumiu o país em um bom momento econômico, ao contrário de atualmente. Votar no “Andrade” é coadunar com essa mesma política falha e que somente nós afundará ainda mais no buraco.

          6. No primeiro turno #vamosdeboulos e #vamosdeguajajara. No segundo turno vou de haddad. Há um mal maior a ser combatido que é o retrocesso autoritário.

          7. Ele foi condenado sem provas.
            Esse é o problema. Agora, vendo com quem ele se releacionou esse tempo todo (políticos e empresários corruptos), fica dificil falar q ele não sabia de nada. Mas tem q provar.

          8. Aquelas q o código penal demandam, cara, nada além disso. Quero isso pra mim, inclusive. E quero o mesmo pra vc, do contrário seria injusto pacas, saca? Muitos direitistas ressaltaram isso, vale dizer. O nosso judiciário é seletivo.

          9. Mas tinha, várias provas testemunhais. Isso não faltou, e não há nenhuma vedação em condenar com base em tais provas. O que vejo muito é reclamarem que não tem prova por não ter nenhum documento das transações, mas que é o bandido que faria as transações documentadas?

          10. Se não houver rastro, é o crime perfeito. Impossível algo de tal magnitude não deixar rasrtos. IMPOSSÍVEL! Não tem como mesmo. As delações, infelizmente, serviram para os caras não terem q procurar provas (1. dá trabalho; 2. podem não encontrar; e 3. podem provar inocência). o processo do lula foi ágil o bastante pra ele não poder se candidatar. foi tudo muito bem orquestrado pra ser assim. já disse e repito: não morro de amores pelo lula, não mesmo. mas ele foi condenado sem provas. testemunhas nesse processo não seriam suficientes pra esse tipo de crime. os caras o condenaram mesmo assim… esse é o problema. e insisto: acho improvável o lula não estar por dentro do q rolava andando com quem andava. mas isso é uma suspeita, só isso. eu teria q provar tal coisa pra poder acusá-lo, quem dirá condená-lo. vale o mesmo pra nós – ou deveria valer.

          11. eu entendo seu ponto (meio foda ser advogado do diabo né?) e acho que concordo. se acontece com ele, o que dirá nós reles mortais?

            e tb só mostra que há cobras em todo o lugar ali no poder, incluindo o próprio lula. antes achavam que eram ingenuos mas complacentes, mas hoje acho todos canalhas

          12. No mensalão tudo pareceu orquestrado por Dirceu e sua turma. (Antecedido pelo evento q envolveu o Celso Daniel, diga-se) Talvez, apenas, talvez Lula tenha sido poupado dos detalhes justamente pra não cair junto se tudo viesse à tona. Mas depois… ainda mais com os grandes eventos (Copa, Olimpíadas) e os grandes acertos com bndes e empresários amigos… Caixa, Petrobras etc, é bem pouco provável q ele não estivesse envolvido de algum modo com tudo ou parte desse sistema. Agora, qual o envolvimento dele a Polícia Federal não conseguiu achar concretamente e ele foi preso assim mesmo. Mesmo sendo quem é. O cidadão comum, então, tá simplesmente fodido se cair com o juiz punitivista (a maioria). Se cair duas vezes seguida já vai em cana… Está ruim para todos e para os selecionados está pior.

          13. foi golpe e os golpistas confessaram. eu não preciso falar q foi pra vc acreditar. enfim, cada vê o q quiser nas formas das nuvens – especialmente os nefelibatas.

  3. Incrível como a Marina Silva mais uma vez derreteu nas pesquisas. Parece que o coroné Ciro estava um bocado certo naquele comentário “polêmico” dele.

    1. Já que ninguém comentou eu vou…
      já assisti filme de vingança o suficiente pra imaginar o que poderia ser feito com um cara desses….,mas racionalmente seria errado….

      1. Minha pergunta foi em termos de punição legal mesmo… Sinceramente, um imbecil dissimulado desse merecia uma bela de uma prisão perpétua.

        1. Penso o mesmo. Aqui sai com 30 anos, vai estar com 60 e poucos…, ou antes? vamos ver no que vai dar….

          1. Ele não ficará 30, mesmo devendo ficar pelo crime que cometeu, ou pelo menos ficar tempo suficiente pra se arrepender e promover alguma reparação à sociedade.
            Sairá antes e tende a ser novamente uma ameaça a todas as mulheres q cruzarem o caminho dele.

  4. Tá se falando muito de encerramento do evernote, assim como se falava muito do encerramento do dropbox. Espero que ambos não fechem às portas (ou sejam adquiridos por uma google apple amazon ms facebook da vida) porque sou usuário desses serviços. Parece cada vez mais difícil existir um serviço “pequeno-médio” nesse mundo digital etc

    1. O Dropbox vale US$ 10,7 bilhões! Mas, ok, é “pequeno” perto do Google e da Microsoft.

      A grande sacada do Dropbox foi a oferta do serviço a clientes corporativos. O Evernote não conseguiu algo parecido, não tem diferenciais muito relevantes (OneNote no Windows e Notas no macOS fazem a mesma coisa) e por aí vai. É difícil reverter uma espiral de morte como essa em que eles se enfiaram, mas…

      1. Snap não tinha valor de mercado superior à 20bi?

        Mas o que queria dizer é que com essa cultura de “next big thing”, um serviço não pode ter crescimento lento (mesmo que esteja continuamente crescendo ou só tenha um trimestre ruim). Se não tá dominando o mundo todo, parece que tá fadado a inexistir (mas também entendo que a manutenção dessas coisas exige muito $$, as coisas são 24/7 em trocentos servidores).

        1. Pois é, valor de mercado na tecnologia sobe e desce muito rápido. Talvez, pelo serviço do dropbox exigir uma grande estrutura seu valor não possa decair tanto.

      2. Eu acho – mas é só minha opinião mesmo – que o Dropbox conseguiu um branding forte, mas a vida é a seguinte, eles queimam caixa, o Operating Margin do Q2 foi -2,1%, e não é toda hora que aparece uma Amazon que perde dinheiro por mais de 10 anos e tá tudo bem.

    2. Ainda não vi um serviço de nuvem tão bem integrado quanto o Dropbox. Espero que isso não vingue.

      1. Sério? Eu acho o Dropbox um dos menos integrados. iCloud e OneDrive são verdadeiramente integrados: tudo que tem no meu MacBook está no lugar “normal” (pasta de documentos, fotos no aplicativo Fotos, arquivos da área de trabalho) e, ao mesmo tempo, sincronizados na nuvem. O Dropbox te confina em uma pastinha apenas.

        1. Uma pasta que você pode subdividir à vontade. Não muda muita coisa nesse aspecto. Eu particularmente até prefiro assim porque acho mais fácil de ter controle.

          Mas acho que o ponto do luis é o dropbox com outros serviços.

          1. Após o mal entendido rsrsrs,

            Como eu uso bastante o recurso de escaneamento de documentos, o Dropbox já aponta o recurso no menu do 3D touch e/ou no widget. Depois, já vai para uma pasta compartilhada com os colegas que também precisem do mesmo documento. O caminho no app do OneDrive é bem mais longo e utilizar apps dedicados gera uma poluição desnecessária.

        2. É, eu me expressei mal. É essa relação com os outros serviços, como o @fredmmtt:disqus disse abaixo.

          Com sistemas operacionais, de fato icloud e onedrive são as melhores opções.

        3. Evernote não uso, mas o Dropbox vs OneDrive concordo, no Windows, também tá tudo integrado, a zona do meu desktop é salva automaticamente no Dropbox, as pasta meus documentos, etc.

  5. Setembro é mês de estreia/volta de muitas séries. Quais vocês estão assistindo no momento?

    1. No momento nada. Eu gostaria de assistir as séries do DC Universe, especialmente Swamp Thing, mas o serviço só está disponível nos States.

        1. Eu tô sem serviço de streaming em casa, então só vejo filmes do meu pequeno acervo. E tô lendo muito pelo celular… TV eu ligo pra ver alguns programas, tipo Jogo Aberto, Master Chef e Roda Viva. Quando eu tô sozinho em casa a tv fica desligada na maior parte do tempo.

          1. Eu to no mesmo barco: faz tanto tempo que não pego nada na Locadora do Paulo Coelho, que se eu precisar/quiser alguma coisa hoje, não sei nem por onde começar!
            Aí penso não missão que é (até porque eu teria que instalar os programas pra gerenciar o download), que acabo desistindo.

          2. pois é, a conveniência do streaming é matadora. se o serviço for integral, como o now, melhor ainda (ruim é a interface bosta)

          3. Vejo streaming como incoveniente toda vez qdo penso q pago e não uso tanto qto deveria pelo preço… Principalmemte pq não tem muito do q eu gosto (filmes).

    2. Somente better call saul. Quero começar a 2ª temporada do Westworld, Quero ver se encontro alguma série de comédia, recomendam alguma?

      1. Talvez opinião controversa, mas BCS >>>>> BB. WW muito bom também

        Já viu The Office ou Brooklyn 99?

    3. Estou vendo aquela The Man in the High Castle, da Amazon. A série mostra um universo alternativo em que o Eixo ganhou a II Guerra Mundial e Alemanha e Japão dividiram o território dos EUA. Estou no início da primeira temporada, achando meio lenta (num mal sentido), mas a premissa é muito curiosa, por isso persisto.

      1. A primeira temporada é bem lenta, mas eu finalizei justamente pela premissa dos nazistas terem vencido. A segunda melhora muito.

      2. Você está gostando?

        Achei péssima, apesar da boa premissa (nunca li o livro). Parece que tem problemas com atuação, roteiro, fotografia, etc.

    4. Eu sempre assisti mais anime que série, mas esse ano tenho dado oportunidade a algumas, “terminei” GOT, vi demolidor 1 e tô vendo Jéssica jones (irei assistir todas da Marvel na Netflix) e depois vou pra vikings.

      E voltando pra anime, dê uma chance para Shingeki no kyojin, é simplesmente uma história fantástica, em que a humanidade se resume a ficar confinada dentro de muralhas por causa dos titãs que vivem fora dela .

          1. Ela é muito fraquinha, a não ser que você seja fã mesmo acho que não vale. Não tem o refino de Demolidor S1 ou Jessica Jones S1

    5. BCS, The good doctor (não é nova)…
      Quero ver aquela sobre o Viatnã no netflix.
      E bojack, claro!

      1. os episódios de bojack que envolvem a mãe são topzera +qd+
        essa good doctor é boa? minha tia quer alugar com o paulo, mas tenho preguiça de ir na locadora por ela

        1. Baixa q ela vai gostar. Ajuda a tia.

          Bojack… é a série animada q todo adulto jovem deve ver.

          Hora da aventura, idem. Que vai avcabar, diga-se.

        2. Queria eu q a minha sobrinha, q tanto me esforcei em guiar, me ajudasse agora q esta beirando os 15. Ingrata, nem fala mais com os tios.

    6. Fechei a S2 de Ozark na Netflix. Pra quem é viúva de BB, é uma série que vale a pena.

      Estou esperando o retorno de GoT e Supernatural (envelheci junto com a série hahaha, assisto desde 2005).

      Uma que estou ansioso pra ver a s2, é DARK. A s1 acabou de um jeito tão louco, que pode dar muito certo ou virar uma LOST da vida.

    7. Aproveitando a pergunta sobre séries.. qual a plataforma que vocês utilizam para “gerenciar” as series assistidas (e filmes)?

  6. Eu sou carnívoro assim como todo mundo na minha família (inclusive eu abateria minha própria caça se eu pudesse) (veganos, me deixem em paz).
    Independente de hábitos alimentares, acho excelente o projeto de lei que quer barrar o transporte via de animais para abate vivos, e espero que seja aprovado o quanto antes.

    1. Eu li a parte “vegamos, me deixem em paz” (sic) em falsete com voz infantil.

      Sobre o PL 31, se depender de carnistas como vc… não será aprovado nunca, pq carnistas querem ser deixados em paz.

          1. esse mesmo. aquele comunista no papel e capitalista no mercado. hahaha

            viu, assistimos um filme espanhol chamado REC. levei um dos maiores sustos da minha vida!!!!

          2. ai, caralho… é de fantasma q assombra uma casa? se for de fantasma, tô fora.

          3. é de zumbi. teve até um remake ‘agua com açúcar’ por holywood, mas nem assisti.

    1. impressionante como essas figuras públicas ficam expostas
      fico até admirado do número de atentados serem baixos

    2. Também senti falta. Os debates aqui são de muito bom nível. Esperava por isso. Agora, esfriou…

  7. As poucas empresas que trabalhei até hoje têm sérios problemas organizacionais…., não é de perto falta de potencial ou dinheiro, apenas falta de tenacidade de seus donos.
    Atualmente trabalho numa empresa que faz infraestrutura e controladores de aviários. Há um mercado imenso e eles já chegaram até a exportar para Venezuela (!). Nossos eletrônicos estão 10 anos defasados e mesmo assim são muito melhores que os concorrentes.
    Nosso problema são os donos que não investem em P&D e suporte.
    Essa semana temos um novo colega de trabalho (o 3º Eng Eletrico formado) e ele reclama esse tipo de coisa de sua empresa anterior (uma das maiores da america latina em armazenagem de grãos).

    E vocês…, consideram a empresa que trabalham organizada ou bem gerida?

    1. A tecnologia é velha, adequada, ou apenas não é tão chique / nova como você gostaria que fosse? O cliente da empresa está disposto a pagar mais por tecnologia mais nova? A tecnologia mais nova é melhor que a antiga?

      1. vamos lá…, as ultimas atualizações de software remetem a 2013, os controladores são montados e soldados manualmente quando já poderiam vir prontos em SMD, placas em SMD poderiam baratear a caixa do aparelho, o renovador de agua de bebedouro precisa de gambiarra para funcionar (e o uso dele é inutil, pois o usuario precisa liga-lo manualmente cada vez que for usar), eles não compram peças para monta-los e é comum o uso de peças usadas, temos uma balança de aves que não funciona corretamente e ninguém pode conserta-la.
        Há pelo menos 6 controladores que realizam as mesmas funções e esse numero poderia ser reduzido pela metade.

        Há(via) demanda da BRF, JBS, Agrodanielli, Casp e dezenas de outras grandes empresas… Você acha que não estão dispostos a pagar por tecnologia melhor? (Fora que já perderam as 3 ultimas das que citei).

        Não acha importante investir em novas tecnologias mesmo que essas ainda não substituam totalmente? O concorrente não vai demorar a ter produtos melhores (já tem concorrente com balança que vai dominar o mercado). Nosso dimmer não é totalmente confiável e logo estará ultrapassado.
        Nossa empresa teve funcionário pesquisando integração com a nuvem e smartphone…., saíram por causa de brigas dos gestores. Morreu aí! Nunca será desenvolvido.

        Não há controle de estoque, reuniões, nem um ‘bom trabalho’.

        Na parte de painéis já teve 7 montadores e hoje há apenas 1.
        Tiveram (têm) dezenas de processos na justiça, desde assédio, falta de pagamento de salário, até trabalho sem carteira assinada.

        A empresa era composta pelo casal e pelo filho. Ele saiu por brigas e diferenças de ideias e, veja bem, não fez questão de levar nada! Tacou o foda-se.

        1. Bom, parece que você tem um ponto sobre a tecnologia atualmente utilizada, é velha mesmo e tem melhor pelo mesmo preço. Mas parece que tá na hora de você atualizar o perfil no LinkedIn….

          Quanto ao investir em novas tecnologias, eu trabalho numa indústria que ainda é “low tech”, a gente usa software de escritório, email e umas 3 aplicações desenvolvidas “sob medida” para o negócio. O que eu acho é que os investimentos tem que ser pensados, os tempos de maturação num mercado como o da sua empresa – equipamentos para Agri – me parecem mais longos, as evoluções são mais demoradas mesmo e o cliente tem que estar a fim de pagar por isso, ou tem que custar o mesmo e você fideliza o cliente por conta de um produto / serviço melhor.

          1. tanto eu quanto meus colegas estamos ali somente até surgir algo melhor. Eu já falei pra eles, que são formados em engenharia, deveriam ir embora da cidade.
            Eu termino meu téc. em eletrônica esse semestre e pretendo ir pra outra coisa. Dificilmente vou precisar de linkedin.
            a birra com o nosso hardware não é pela questão de ser ‘high’ ou ‘low tech’, é apenas com o fato deles não aceitarem nenhuma proposta de mudança. Ou seja, o código fonte e projetos nunca serão liberados para possíveis correções ou melhorias.
            Os chefes não são administradores, são apenas pessoas que tinham uma certa experiencia no mercado e conseguiram criar bons equipamentos com a ajuda do proprio filho.

  8. Uma dica de extensão para navegadores: The great suspender.

    Ouvi no último tecnocast, dica do mobilon. É uma extensão que mata os processos das abas depois de um certo tempo (configurável). Bom pra quem quer manter várias abas e não se preocupar com a lentidão causada por isso. To usando aqui desde ontem no pc do trabalho e no de casa e a diferença foi grande pra mim.

    Acho que tem também pra firefox.

  9. Vocês viram a notícia do afastamento temporário do Linus por problemas de relacionamento? https://lore.kernel.org/lkml/CA+55aFy+Hv9O5citAawS+mVZO+ywCKd9NQ2wxUmGsz9ZJzqgJQ@mail.gmail.com/

    Eu acho um bom sinal para uma área de desenvolvimento de software, que pode ter um ambiente bastante tóxico. Não sei dizer se é pior ou melhor que outras áreas, mas certamente é um tópico em bastante discutido, especialmente uma ideia de que os “fodas” não precisam se justificar para os demais.

    1. Fico pensando se esse povo tira férias. Ajuda a descomprimir. Não sei se existe alguma área livre do estresse que seria saudável (algum é?), mas, de fato, alguns ambientes tendem a ser mais tóxicos que outros. Parece que o Linus se deu conta de que o da tecnologia é um dos piores. Bom para ele, bom para a comunidade. Tomara que esse sabático o ajude a voltar melhor.

    1. Não faço a menor idéia do que o NYTimes usou, mas usando o Tableau (a Folha de S.Paulo usa), dá para fazer coisas parecidas.

  10. Como, em nome de J-sus, resolver a questão do “uso do disco em 100%” do Windows 10? Já tentei as 27 dicas do Baboo, que inclui as dicas mais conhecidas .

      1. Não. É um problema já conhecido do Windows 10, com muitos vídeos tutoriais dando dicas sobre como solucionar… funciona pra alguns, pra outros não. Mas nem a Microsoft tem uma solução definitiva.

    1. Porra, não sabia que tinha no W10. No W8.1 resolvi atualizando pro 10. Será que você consegue fazendo downgrade e depois upgrade?

  11. Chegou a notificação do episódio do Guia Prático e aproveitei pra testar melhor a integração do Shortcuts à Siri. Tinha a sugestão de adicionar o podcast pelo Overcast e então tocar o último episódio. Funcionou bem.

  12. Estou pensando em comprar um Iphone SE pela questão do preço (achei “barato”), pela privacidade e pelo tamanho da tela, tenho um Samsung Galaxy A9, e a tela imensa incomoda um pouco.

    1. Qual a duração da bateria? Já vi vários testes mas todos são padrões, gostaria de saber o do dia a dia;
    2. Eu costumo assistir animes e séries no ônibus/ hora de almoço, então como é o esquema de passar vídeos sem dificuldade pro aparelho sem ser pelo Itunes? Ou vale a pena instalá-lo só para isso?

    1. Dizem que a bateria do iPhone SE é boa. Pelo tamanho e resolução da tela, ele é um dispositivo econômico. De qualquer forma, vale buscar informações de outras fontes.

      Eu não costumo passar vídeo para o celular, mas, nesse caso, acho que o VLC deve ser mais negócio que o iTunes. Além de mais fácil (ele cria um servidor FTP e você arrasta os arquivos na janela do navegador no PC), ele roda muito mais formatos que o player de vídeo padrão do iOS.

      1. Entendi, irei pesquisar mais, é que a bateria do meu A9 dura o dia todo, nem me preocupo com carga, e não quero ter que voltar a ter esse sofrimento (foi o motivo principal de comprar esse aparelho)

        1. Minha esposa tem um, pelo uso dela a bateria é ótima, mais de um dia, mas eu acho a tela pequena pacas…

    2. Eu sempre vejo pessoal criando tópico de promoção desse aparelho no gatry e hardmob e cara, posso dizer que a maioria das pessoas elogiam a bateria dele no dia a dia. Creio que seja um bom indicativo.

      Eu penso em comprar ele também. Mas tem a questão do ios. Até quando ele irá receber atualizações? Ele vai receber o 12 mas e depois?

      1. O hardware do SE é de 2015 — equivalente ao iPhone 6s. Se considerarmos que a Apple ainda atualiza aparelhos de 2013 (iPhone 5s), talvez mais dois anos? Só um chute; ninguém, fora talvez algumas pessoas da direção da Apple, sabe.

      2. O Iphone 5S recebeu o IOS 12, e ele foi lançado em 2012, ou seja, 6 anos de atualização, o Iphone SE tem hardware de 2014 (mas foi lançado em 2015), então podemos considerar que irá receber pelo menos até 2020, é uma boa data, rs.

    3. A bateria é boa, não é igual do 5s. Eu também queria um por causa dos mesmos motivos exatos, a segurança, o tamanho e o preço. Peguei um de 128 Gb por mil pila usado, porém a tela é bem pequena, tô acostumado com meu oneplus então no final não me serviria, então vendi e peguei um 6s, aí sim melhorou a tela, dá pra escrever bem de boas mas a bateria não é o bicho. É o preço que se paga. Em si é um bom aparelho, me saiu mais barato que um Moto G. Se um dos seus usos é ver vídeos, aí não recomendo nenhum desses iPhones, nem pela bateria, mas por causa da tela, a diferença é absurda

  13. A Amazon anunciou um bocado de coisas hoje: novas caixas de som, tomadas inteligentes, um relógio de parede e até um micro-ondas. Todos, obviamente, com a sua assistente de compras, digo, pessoal, a Alexa.

    Ao pessoal que se interessa por essas quinquilharias: é óbvio a você que tudo isso, que tudo que a Amazon faz é no sentido de retirar todo o atrito possível do ato de consumir?

    1. Vi que tem microondas com alexa.
      Só consigo pensar no internet of shit

    2. Não sei se eu conseguiria andar pela casa com esse monte de gadget me ouvindo. Essa tentativa de retirar o atrito me preocupa. Me faz lembrar, numa comparação mais superficial, o que o Facebook fez com a internet.

    3. acho lindo viver num mundo de puro consumismo. eu não ia mais sentir aquele vazio existencial, ia poder ter tudo o q eu quisesse, na hora q eu quisesse, um drone traria as coisas pra mim ou funcionário deixaria as coisas na minha casa. parece um sonho muito lindo isso.

      1. Imagine que você tivesse à disposição QUALQUER MERCADORIA a qualquer momento, como no cenário que você traçou, mas com uma particularidade: sem a mediação do dinheiro ou sem qualquer tipo de troca. Você solicita a mercadoria e a recebe na hora (na prática não é mais mercadoria, mas ok).

        Esse é o cenário do glorioso FULLY AUTOMATED GAY SPACE LUXURY COMMUNISM. Um nível de automação do trabalho tal que se permite a efetiva fruição de quaisquer prazeres a qualquer momento, por todas as pessoas.

        Eu acho que desse cenário só seria possível uma de duas consequências: extinção da espécie humana (afinal, Gaia não vai gostar nem um pouco disso) ou uma vida bastante espartana (ter tudo o tempo todo será tão entediante que todos viverão com o mínimo possível, justamente porque aquilo que eventualmente for necessário estará à disposição, numa espécie de “autorregulação” dos recursos disponíveis socialmente pactuada).

        Agora, voltando à realidade: bilhões não terão acesso às maravilhas do consumo enquanto seu planeta é destruído pela pequena, mas significativa, parcela que conseguirá consumir o tempo todo.

        1. Eu queria comprar pra poder gritar “eu sou rica” e provocar os recalcados e as falsianes. È mais por isso.

      1. excelente texto!
        eu não me admiro muito com isso tudo, pois o ser humano passa por essa mudança desde sua origem.
        eu fico triste como alguns não conseguem admitir que a uma geração mais nova não quer comportar-se de maneira ‘tradicional’.
        eu penso que não há problema se a geração “nutella” (ou leite com pera) quer ter uma vida mais fácil.
        Eu já to chegando nos 31 e sinto isso. Estou me apegando a coisas mais tradicionais, não automatizadas, evitando redes sociais, menos gadgets, aprendendo a fazer as coisas por minha propria conta.

    4. Ah, tamo no Brasil né… vai demorar séculos para popularizar… e na minha casa não entra.

    5. Acredito que há duas coisas a serem consideras ai: a primeira, é o conforto de comprar produtos online e recebê-los em pouco tempo. Gostaria muito de ter essa opção, pra comprar coisas mundanas sem precisar ir no mercado/loja.
      Já a segunda coisa, que são as “assistentes virtuais”, eu realmente não engulo. Não consigo ver essas coisas trazendo benefícios reais. 50% do tempo é pra mostrar pros amigos, 25% do tempo usando de fato e os outros 25% pra repetir os comandos que não foram entendidos na primeira vez.

  14. Usuários de iPhone que já atualizaram para o iOS12, como estão os aparelhos de vocês?
    Pra mim a melhor coisa foi o app Shortcuts manter os fluxos do Workflow. Eu tinha receio da Apple “zerar” tudo e limitar o app.

      1. Sim, o iPhone 5s da minha esposa melhorou demais. Difícil imaginar que um aparelho com um hardware de 2013 ficasse usável novamente.

    1. o iPad Mini 2 parece estar mais suave
      mas também nem deveria estar pesado pro uso que faço dele, que é basicamente navegação web e feedly

    2. Eu achei bem legal, o meu iPad Air ficou bem mais usável do que estava antes, o iPhone SE se manteve como estava.

        1. Sim, estou há uns 2 anos e meio com ele e só pretendo trocar a bateria..aproveitando a “promoção” até o final do ano.

          1. eu to cansado da tela de 5.2 do meu cel atual. existe algum incomodo com relação a ler sites nele ou videos?

          2. É bem apertado, ler sites é um pouco pior pela rolagem constante e vídeo fica no limite do aceitável, mas eu não sou muito heavy-user de smartphone então prefiro o tamanho compacto dele.

            Acho que se você assiste muito vídeo é um downgrade grande, talvez um iPhone 6s seja mais negócio.

      1. Eu, não rsrsrs. Sou do grupo que costuma usar o 3D touch para saber qual app de determinada pasta recebeu notificação, ou então ir direto para algum fluxo do shortcuts, entre outros. Eu sentiria bastante falta do recurso.

      2. Depende muito do perfil de uso de cada um, como mencionado, para os que gostam de 3D touch já não é uma opção, sendo que alguns rumores indicam que o 3D touch não acompanhe mais os próximos modelos, outro fato é o XR não ter modo retrato para animais e objetos, tem apenas para humanos, para quem utiliza já é um ponto negativo. Para o meu perfil de uso, utilizaria de boa, gosto do tamanho da tela, autonomia da bateria e o preço entre os lançados é o mais em conta.

          1. Esses dias vi uma pessoa comprando um iPhone Plus (não consegui ver a versão) numa loja física do Extra! Fiquei boquiaberto, nunca tinha presenciado alguém comprando celular caro no mercado.

            Não creio que seja inviável. Se fosse, operadoras e lojas não anunciariam tanto esses aparelhos. E elas anunciam. É uma parcela pequena da população que se dispõe a pagar, mas pagam. Para os muito ricos, tanto faz comprar aqui ou fora; para outro recorte desse público, comprar fora é algo um tanto distante ou muito complicado. Sobra comprar no varejo nacional, mesmo que parcelando em N vezes.

          2. Também não acho inviável não, o povo vai lá e parcela em 24 vezes, tem um monte de assistente administrativo aqui com iPhone.

    3. Assim que instalou senti que a abertura de aplicativos ficou mais rápida… mas a sensação já passou. Minha esperança era gerenciamento de bateria e está o mesmo desastre de sempre.

      1. no ipad achei que isso piorou até

        honestamente n confio mto no indicador de bateria não…

Os comentários estão fechados.