O que tem na sua mochila, Gabriel Tonobohn?

O que Gabriel Tonobohn carrega em sua mochila.
Foto do Gabriel Tonobohn.

Gabriel Tonobohn trabalha há oito anos com conteúdo digital e já produziu para empresas como Discovery Brasil, Microsoft, Nokia, LG, além de veículos como Tudo Celular, TechTudo e Canaltech. Atualmente, produz conteúdo para o Facebook e Instagram Business, mas tem tentado dedicar mais tempo ao ativismo vegano e ambiental (ele também é formado em Gestão Ambiental).

  1. Camiseta velha e surrada. Como ando muito, seja para o trabalho ou para eventos, tenho sempre uma camiseta confortável para usar nas caminhadas. Troco pela que de fato vou usar quando estou perto do destino.
  2. MacBook Pro Retina 13″ (early 2013). “Da firma”, com 8 GB de RAM, processador Core i7 3GHz e SSD de 256 GB.
  3. Maçã. Todo vegano aprende desde cedo a sempre ter uma fruta na mochila. Nunca se sabe onde vamos conseguir comer. Perceba que ela foi artisticamente colocada em cima do logo da… maçã.
  4. Carregador do MacBook Pro. Esse ainda não quebrou, mas no meu Macbook Pro 15” (2011) já estou no quarto. Sempre dá problema no fio.
  5. Mix de castanhas. Castanha de caju, castanha-do-pará, nozes, uva-passa e amêndoa defumada (que é uma delícia!).
  6. Os grandes contos Anarquistas, de George Woodcock. Livro incrível pra quem quer saber e entender o anarquismo. (Dica: anarquismo não é igual a caos.)
  7. Fones de ouvido Sennheiser HD 202. O melhor custo-benefício que encontrei na época. Bom o suficiente pra quem não quer ouvir as conversas alheias no metrô, mas nada muito especial.
  8. Barra de chocolate Chokolah. Porque veganos também comem chocolate!
  9. Desodorante Kristall intensivo da Alva. Pelo mesmo motivo da camiseta velha e surrada, é sempre bom ter. Detalhe importante: é um desodorante vegano, com 99% de ingredients naturais e 27% de ingredients provenientes de fazendas orgânicas.
O que Gabriel Tonobohn carrega em sua mochila.
Clique para ampliar.

Nota do editor: O Na mochila é uma seção semanal do Manual do Usuário que apresenta o interior das bolsas e mochilas de leitores, colegas e amigos. Acesse este link para espiar as demais e mande a sua mochila.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

89 comentários

  1. Esse mix de castanhas é só a porção do dia ou tudo e você vai comendo moderadamente? De uns dois anos pra cá, os preços das castanhas subiram muito onde eu costumava comprar, quase 30%

    1. Compro castanhas de quilo quando vou na zona cerealista, que é bem mais barato. A do pará lá tá uns R$ 45. Aí monto o mix em casa e deixo o potinho com o suficiente pra alguns dias na mochila. Rende bastante tempo, mas comprar no mercado não tem condições mesmo, tá o dobro do preço.

          1. Olhei ontem no Extra: 109 o KG da castanha. Mais que o dobro, pqp.

  2. Estava indo tudo bem, até aparecer uma uva-passa… URGH! hehehe

    O desodorante é importante, pra quem troca de camisa, e não usa anti-transpirante (como eu uso).

    E maça fuji é a melhor maça. hehehe

  3. Caraca! Achei essa sua mochila espetacular! Sempre tento reduzir o q levo, mas acabo levando as mesmas coisas, q não são muitas, mas o q mais me ferra é trava da bike, q pesa quase dois quilos… Preciso achar uma alternativa pra isso. Boas dicas de alimentação tb. Não sou vegano, apenas vegetariano, mas curti essa arrumação geral e o lance de levar sempre uma fruta, algo q acabo não fazendo. Curti o livro tb, valeu como dica pra mim. Tenho uma coleção incompleta anarquista aqui em casa, da editora Imaginário, saca? Fez bem em dar o alerta sobre o que não é o anarquismo :)

      1. Opa! Depois dá uma espiada no clube de livros aqui do MdU. O primeiro já tem uma pegada questionadora!

      2. Cara, desculpe usar um comentário longínquo no tempo pra falar contigo, mas me pareceu um bom método. É o seuginte: notei q seu sobreneome é o mesmo de uma pessoa q estou tentando contatar, o Ronaldo Tonobohn. Por acaso vc o conhce? Abs.

          1. Tentei contato pelo face, mas não houve resposta. Posso estar naquela pasta q fica meio escondida. Posso tem mandar uma mensagem direta no twitter pra explicar a situação? Tem a ver com o próprio MdU. No twitter já estou te seguindo. Estou como binho_bike lá.

      1. Puts, cara, fiz mó besteira. É uma trava kryptonite e ela vem com uma peça pra vc prender a trava na bike. Essa q eu tenho é uma trava U, então é meio trambolhona. Ela estava meio solta, daí resolvi apertá-la e quebrei a peça… agora sou obrigado a levar a trava na mochila. A peça de reposição custa, sei lá, uns 20 dólares ou mais. Resolvi deixar quieto e comprar uma outra trava qdo sobrar grana. Estou pensando numa Abus, daquelas dobráveis. Elas ficam melhor posicionadas na bike e ocupam menos espaço, além de serem mais seguras. Agora vende no brasil, então não preciso importar. Vc tb leva alguma trava?

      2. Puts, cara, fiz mó besteira. É uma trava kryptonite e ela vem com uma peça pra vc prender a trava na bike. Essa q eu tenho é uma trava U, então é meio trambolhona. Ela estava meio solta, daí resolvi apertá-la e quebrei a peça… agora sou obrigado a levar a trava na mochila. A peça de reposição custa, sei lá, uns 20 dólares ou mais. Resolvi deixar quieto e comprar uma outra trava qdo sobrar grana. Estou pensando numa Abus, daquelas dobráveis. Elas ficam melhor posicionadas na bike e ocupam menos espaço, além de serem mais seguras. Agora vende no brasil, então não preciso importar. Vc tb leva alguma trava?

          1. Hahaha. TB usava uma barata, mas depois q vi q era o mesmo q nada, passei a user essa mais forte. Como eu só tenho ela, se me roubarem fico dependendo do busão, q como se sabe, é fortuna. A economia q faço do busão compro peças qdo preciso.

  4. Todas as vezes que eu li o título eu li (foram umas 4) “o que tem de bom na sua mochila, Tonobohn?”
    Cacilds!

      1. É, faz sentido, mas todo mundo sempre apresentou seus aparelhos no ‘na mochila’ que pensei ter-se tratado de lapso, mas vc foi bem fiel ao que normalmente se leva numa mochila. Nesse caso, o que vai no seu bolso, Tonobohn? ;)

    1. Já que é para chatear, vamos chatear…

      De onde é o leite utilizado no chocolate?

  5. O fone também é vegano, o acabamento é feito com fibras de bambu 100% reflorestadas kkkkk

  6. É tão anti-mainstream, que o livro não tem capa! :P
    Brincadeiras à parte, também não entendo porque entulhar a mochila de coisa, nessa tem o básico, que você sabe que vai usar mesmo.

  7. Tirando o veganismo, finalmente uma mochila que eu consigo me identificar =)

    Nunca entendi direito porque a maior parte das pessoas carrega tanta coisa na mochila e, via de regra (existem exceções) usam 10% do que carregam.

    1. sobre esse caso de levar td e nao usar nada, eu sempre penso o seguinte:
      “é melhor ter e não precisar do que precisar e não ter”

      caneta, canivete, cabo usb, pilhas, mouse, cabo de audio, cabo usb de reserva.. vixe.. e por ai vai! kkkkk

      1. Eu costumo carregar uns 2 ou 3 cabos e um par de pilhas extras para o mouse sem fio. Tudo organizadinho em pequenos zip-locks individuais. Do resto minha mochila é totalmente minimalista.
        Canivete eu bem que gostaria, mas viajo muito, ele seria barrado no primeiro raio-x.

          1. Ops, desculpe ter mudado o assunto, eu tinha cliclado no [responder] do tópico errado, editei meu post.

          2. Ops, desculpe ter mudado o assunto, eu tinha cliclado no [responder] do tópico errado, editei meu post.

          3. Acredito que tenha sim, só postei pela “zueira” mesmo.

        1. putz.. pra quem viaja muito, canivete eh um problemao msm..
          lembro q fui de BH pra Joinville com o meu na mochila e so me lembrei que tinha um canivete quando, no embarque da volta, me pediram pra jogar ele fora..

          fiquei com uma dor no peito.. nossa.. =(
          era um daqueles itens que temos por simples apego emocional..

        1. Eu gostei mesmo do custo benefício dele. Pelo visto custa uns 40 reais, mas dura 1 ano. Os meus roll-on de 10 reais duram só 1 mês cada. Mas parece que esse de pedra não é exatamente antitranspirante, né? Isso faz diferença para mim, eu suo bastante :(

          1. Exato, ele não diminui a quantidade de suor, apelas elimina o cheiro … sal é antibactericida, sem bacterias = sem cheiro.

          2. Exato, ele não diminui a quantidade de suor, apelas elimina o cheiro … sal é antibactericida, sem bacterias = sem cheiro.

          1. Fiquei procurando aqui onde comprar, mas não consegui achar. Tu sabe onde?

          1. São frutas, natural que em um determinado momento elas estraguem.

          2. Nunca tive problemas com as maças deles. Particularmente sou cliente.

          3. Hum… bom, preferi não comprar mais. É mais prático e tal, mas acho q é melhor escolher. Se elas fossem orgânicas até insistiria, mas não são, infelizmente.

  8. Acho que essa é a mochila mais “clean” que passou por aqui. Falando nisso, faltou a foto da mochila em si O.o

O site recebe uma comissão quando você clica nos links abaixo antes de fazer suas compras. Você não paga nada a mais por isso.

Nossas indicações literárias »

Manual do Usuário