Novos relógios inteligentes: G Watch R e Gear S

Na dúvida sobre como deve ser o relógio inteligente ideal, LG e Samsung continuam despejando novos modelos no mercado, cada um com características bem específicas para se diferenciar dos demais. Se esse nicho crescerá a ponto de justificar toda essa atenção? Quem se importa?

De ontem para hoje, em aquecimento para a IFA que começa em Berlim no próximo dia 5, as duas empresas anunciaram novos relógios. Note que faz apenas dois meses que os últimos, G Watch e Gear Live, foram lançados.

G Watch R, primeiro relógio inteligente redondo.
Foto: LG.

Da LG vem o G Watch R, um relógio com tela circular e acabamento nobre, com o uso de metal na caixa e couro na pulseira. A LG chama a atenção ao fato do G Watch R ser totalmente redondo, lembrando que o Moto 360, ainda não lançado mas já responsável por suspiros entre entusiastas, tem uma pequena base preta onde ficam os componentes da tela. No novo relógio da LG, esses mesmos componentes foram alocados na borda, que também traz marcações de segundos gravadas fisicamente. Outra característica legal é o uso da tecnologia P-OLED, que promete tornar o relógio visível mesmo sob o Sol.

O Gear S usa Tizen e tem a tela curvada.
Foto: Samsung.

Já a Samsung volta a usar o Tizen no lugar do Android Wear com o Gear S. Esse tem tela AMOLED curvada, o que é bem legal, e vem com um antenas 3G e Wi-Fi, que o torna independente do smartphone. Resta saber o preço que toda essa conectividade cobrará da bateria, que tem apenas 300 mAh — o release fala em “dois dias de uso normal”, o que parece exagerado.

Características comuns a relógios inteligentes, como sensor de batimentos cardíacos e resistência à água e poeira, são itens marcados nas checklists de ambos os modelos. O G Watch R será lançado no quarto trimestre e o Gear S, em outubro. E eu, sigo na espera por algo que justifique o frisson em torno desses relógios (supostamente) inteligentes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

8 comentários

  1. Pingback: cat 4 brother
  2. Tirando o Pebble, que é incrível por ser simples, ainda não consegui ver utilidade prática em nenhum wearable. Todos eles não têm apelo nenhum ao consumidor comum, just for geeks..

  3. Eu usaria, mas simplesmente porque eu já uso relógio como adereço.

    Acredito que seja um produto minimamente interessante para quem viaja muito e precisa do Google Now, mas para me avisar todo dia quanto demora para eu chegar no trabalho…bem dispensável mesmo.

    1. Não é o tipo de característica em um relógio que tem “360” no nome que a fabricante ressaltaria na promoção, né? :-)

      Mas ele sempre esteve lá. Veja a base:

O site recebe uma comissão quando você clica nos links abaixo antes de fazer suas compras. Você não paga nada a mais por isso.

Nossas indicações literárias »

Manual do Usuário