Não, o Facebook não lançará o botão “Não curti”

Hoje Mark Zuckerberg fez uma sessão de perguntas e respostas e, numa delas, disse que o Facebook está prestes a lançar um botão alternativo ao “Curtir”. Embora a pergunta fizesse referência ao “Não curti” (“Dislike”) e Mark tenha dito que estão trabalhando nele, não é bem isso o que veremos em breve por lá.

Confira o excerto do vídeo publicado pelo Facebook no Vimeo:

A gente sabe o que aconteceria com o Facebook se o “não curti” fosse instituído: viraria o Reddit. (Mark meio que deixou isso implícito, “ESTE TIPO DE COMUNIDADE”, pegaram?)

O que o Facebook começará a testar em breve são alternativas ao “Curtir” para situações onde o botão, apesar de toda a abrangência de significado que ganhou ao longo dos anos (o que significa “curtir” algo?), ainda parece inadequado.

Quando muitos leitores do Manual curtiram o link do assalto ao meu apartamento, eu sei que eles não gostaram ou aprovaram o ocorrido, não foi nada do tipo “boa, ladrão, é assim que se faz!” que uma interpretação literal nos levaria a pensar. Esse joinha foi, na realidade, um sinal de solidariedade, de empatia, um “hey, estamos aqui, força!”

O mesmo acontece quando publicamos links de notícias tristes — um familiar ou amigo que morre, ou algo sobre os refugiados sírios. As pessoas usam o que é mais conveniente/fácil, mesmo quando há ruído na intenção, caso de “curtir” essas coisas. Anos atrás era um comportamento mal visto; hoje, já é meio institucionalizado, muita gente não liga e muito mais gente faz isso. É preguiçoso e fácil, duas coisas que nós adoramos, e ainda tira aquele peso de dever, de dar condolências, de que nos importamos (sinceramente ou apenas por aparência, não importa). Win-win.

Mas o que me chamou a atenção, além do oba oba com a notícia (em alguns casos, equivocada) de que o Facebook ganharia o “não curti”, foi a empolgação com limitadores tão severos da linguagem e da expressão, com botões numa interface que substituem palavras e que nos deixam cada vez mais parecidos com máquinas — binários, “sim ou não”, curti/não curti, “aperte 1 para dar parabéns”. E sim, esse último existiu e, não por acaso, foi ideia do Facebook.

Acompanhe

Newsletter (toda sexta, grátis):

  • Mastodon
  • Telegram
  • Twitter
  • Feed RSS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

32 comentários

  1. É acho que o pessoal não saberia muito usar isso não! hahaha as vezes prefiro dar um like do que comentar em certos posts pois sei que vai chover comentários e notificações me falando que comentaram nesse mesmo post. Apesar de conhecer a opção de desativar as notificações, as vezes simplesmente não funciona no app do facebook :/ (já aparece como desativo).

    Concordo que estamos virando cada vez mais robóticos, o que é uma pena.

  2. O último parágrafo me lembro da Sociedade Técnica do livro “25ª Hora” do
    C. Virgil Gheorghiu. Ótimo livro, por sinal.

  3. Vejo uma solução alternativa interessante no Disqus. Ele tem o up vote e o down vote. Apesar de mostrar a contagem de up votes, ele não mostra a de down votes; porém, não impede que as pessoas usem o botão negativo. Aliás, se listar os comentários de uma página por best, o Disqus vai mostrar um ranking baseado em net vote, que é a quantidade up menos a quantidade de down. Essa mecânica da a liberdade de “negativar” um comentário sem que isso tenha impacto negativo em quem comentou.

    Lendo os fóruns do Disqus, ficou claro que os desenvolvedores acreditam que os usuários não são preparados pra lidar com a quantidade de feedback negativo, mas também não queriam privar os mesmos de reagir negativamente.

    1. Você tem o link sobre isso?

      Comecei a reparar há um tempo que comentários com mais likes apareciam menos destacados, inclusive se tivesse mais comentários aninhados que outros. Agora, com o que você disse, isso faz sentido.

      Desde que o Disqus deixou de mostrar os votos negativos, pensei (olha só) que o botão para negativar ainda estivesse ali por algum experimento comportamental oculto…

      1. Do que vc ta falando?
        Eu to falando dos posts no facebook.
        Quando posto algo não aparece quantas pessoas leram.

      2. Do que vc ta falando?
        Eu to falando dos posts no facebook.
        Quando posto algo não aparece quantas pessoas leram.

    1. Sei que quando se postava em grupos, podia-se ver quem já leu o post, mas sobre os comentários não sei dizer.

      1. Publicidade em excesso me irrita muito. Depois que descobri o Google+ e que a maioria das boas publicações tbm estão por lá… Sai de fininho do Facebook sem titubear. rsssssss

        1. Cara, de modo geral, também gosto muito mais do público de hoje do G+. Geralmente, dos grupos que acompanho, dos quais estão disponíveis nas duas redes, sempre prefiro o do G+. Gosto também do layout de lá. No tablete, fica perfeito!

          1. Verdade. É leve, lúcido. Tem interação suficiente e não aquele monte de botão. E agora essa de lançarem mais um. rssssssss. Ou seja: muita poluição no app mobile. Num rola. Jesus me salvou dessa. rssssssssssss

    1. É, também sou bem avesso a redes sociais, em geral. Na época em que tinha orkut ainda dava pra tentar manter alguma coisa inteligente dentro do facebook, já que tinha poucos brasileiros no serviço. Depois que todo mundo migrou, preferi sair…

  4. Ele disse que ia lançar, todo mundo disse que ele vai e você está dizendo que não. Eu perdi algo?

    Não entendi o que o post quer dizer. Só vi motivos e argumentos para não ser lançado. Agora nada que se “prove” que não será lançado.

    1. Fica claro que ele não irá implementar o NÃO CURTI, mas que irá por outros botões que possam ajudar dependendo do contexto, onde o CURTIR não é adequado.

    2. É uma questão de interpretação, Saulo. Após o Q&A, li muita gente (e vários) sites falando num botão “Não curti” literal, com esse rótulo e sentido. E não é bem isso o que o Facebook está fazendo, como fica claro pela resposta do Mark. Não vai ter um botão com sentido oposto ao “Curtir”, como se fossem upvote e downvote.

      O Facebook está trabalhando em novos botões, sim, mas nenhum com essa conotação negativa. Esse é o ponto que quis explicar com o post.

  5. Realmente, o Mark Z. diz que estão trabalhando nisso, e logo em seguida cita formas diferentes de reação aos posts.

    E, pois é, o FB ficaria um tanto parecido com o Quora e com o Reddit caso implementem o sistema de like vs. dislike.

    1. Demorei muito tempo pra entender qual é a do reddit, mas quando finalmente peguei o jeito, não consigo viver sem. Instalei a extensão Shine no Chrome e, desde então, não fico mais perdido naquela interface meio zoada do site, que é o único ponto baixo do reddit. Também estou usando o excelente Relay para android.

      Há tempos fiz uma conta no Quora, mas usei, creio, apenas uma vez. Não consigo entender muita a diferença para um fórum, exceto que tudo lá é muito “quadrado”.

      1. O Reddit tem partes fantásticas, mas tem uma porção ruim muito grande. Aquela confusão com a Ellen Pao evidenciou essa “banda podre” do serviço e não estou muito certo se, nos moldes atuais, ele tem salvação.

        1. Qualquer serviço onde há uma postura anárquica (4chan, lembremos), sempre vai ter o “lado bom” (onde há alguma organização e foco) e o “lado ruim” (anomio, onde pode quase tudo – /b para quem lembra).

          O ruim é que falou-se tanto no /b (e eles falavam para não falar dele) que o /b se espalhou como câncer… =p É “caixa de pandora” – não se mexe onde há algo onde não deveria ser mexido…

          1. o 4chan, e os chans brasileiros me deram muita dor de cabeça, principalmente o 55ch.net que é uma vertente brasileira do BRChan.

        2. Eu lembro de ter lido vagamente algo sobre isso, mas não consigo fazer paralelo entre este incidente e a qualidade do serviço e seus utilizadores.

          Por sinal, o que mais gosto no Reddit são os subs terem total autonomia, desde que, claro, respeitem as leis e normas do serviço. Só lembrar de alguns subs destinados aos diversos tipos de preconceito que foram fechados há algum tempo.

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!