Google lança ferramenta gratuita para limpar o Chrome de barras e buscadores estranhos

Ferramenta de Remoção de Software do Google.

Você provavelmente já viu alguma instalação do Chrome com barras de ferramentas esquisitas ou que tem como página inicial um buscador obscuro. Esses desvios comportamentais são culpa de plugins que se infiltram no navegador através de instaladores “patrocinados” e outras táticas questionáveis.

Não chega a ser difícil limpar essa sujeira do Chrome na unha, mas ao usuário leigo, que nem sabe como contaminou seu navegador, é um desafio intransponível. Por isso a Ferramenta de Remoção de Software recém-lançada pelo Google é importante: com dois cliques, ela verifica e limpa o Chrome desses complementos que degradam a experiência.

Por ora só funciona com Windows e, por padrão, ela envia informações da limpeza ao Google a fim de melhorar a própria ferramenta (se não quiser, basta desmarcar a caixa de diálogo referente à função). Ah, e só atente ao final do processo: mesmo não encontrando nada suspeito, a ferramenta pergunta se você deseja redefinir o Chrome, apagando todas as suas informações como histórico, senhas salvas e outras da instalação local. Se está tudo bem, não tem motivo para fazer isso, certo?

Baixe-a aqui.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 comentários

  1. Meio atrasadão, mas acho que vale uma dica complementar.

    Costumo usar um programa para fazer limpeza chamado “AdwCleaner”, que é liberado para download em um site chamado “Bleeping Computer”.

    O site é similar ao “Linha Defensiva”, com um fórum ativo de auxilio a usuários, e lá existem ferramentas de limpeza de software indesejável, como o AdwCleaner, e a “bezetacil” ComboFix (de uso recomendado apenas se for usuário avançado ou for solicitado caso peça ajuda).

    De resto, acho que vale a dica: se costuma fazer uso de sites de download de arquivos, NÃO USE O INSTALADOR DO PRÓPRIO SITE SE POSSÍVEL. O ideal é usar a opção “instalar sem instalador” (que não instala o “instalador de adwares” do site) ou até mesmo procurar o site oficial do programa para fazer download. E caso o próprio programa ofereça adwares durante sua instalação, basta desmarcar, cancelar ou pular a instalação dos adwares.

    Com a onda do “próximo, próximo, concluído”, probostadores viram que aquilo poderia render uma mina de dinheiro e “compensar as horas de trabalho no software”, já que a maioria usa programa pirata.

  2. Que arretado, dia desses tive problema para remover umas extensões malditas… essa ferramenta oficial com certeza iria ajudar.

    Já salvei no pendrive :)

O site recebe uma comissão quando você clica nos links abaixo antes de fazer suas compras. Você não paga nada a mais por isso.

Nossas indicações literárias »

Manual do Usuário