Anúncio NordVPN, a VPN mais rápida do mercado, com 68% de desconto

Filmlog 2 para iOS

Saiu o Filmlog 2 (iOS), um aplicativo para registrar filmes vistos e que se quer ver. É um app independente, desenvolvido por uma pessoa só (Simon Braun), cujo apelo está na privacidade e discrição — ao contrário de outros apps do tipo, o Filmlog não é uma rede social; serve apenas para você manter um controle de filmes vistos e a ver. E está traduzido para o português.

A nova versão teve seu visual repaginado e agora é freemium, ou seja, grátis, mas com alguns recursos desbloqueáveis mediante pagamento. Para acessar a versão completa (Plus), basta um pagamento único de R$ 22,90. Via Filmlog.

Gentilmente, Simon disponibilizou cinco códigos promocionais para os leitores do Manual do Usuário (saiba como ativá-los). Leva quem for mais rápido:

  • YW3NXHHHF3N3
  • 9KYL4XX63R9M
  • A773WJLAPYLW
  • LAPTHXYREYR9
  • 4LP3PYJWYYL4

Notificações granulares de aplicativos de celulares

Prints das telas de configuração de notificações dos apps Duolingo, Nubank e Magazine Luiza.
Duolingo, Nubank e Magazine Luiza oferecem notificações granulares.

Notificações são ótimas quando bem usadas. Com elas, podemos monitorar muitos lugares ao mesmo tempo, agindo sob demanda. Pena que o “bem usadas” seja raro e, na ânsia de gerar engajamento, a maioria dos aplicativos abuse do recurso, deteriorando a sua utilidade.

Senti isso quando baixei o aplicativo do Zoom (o comparador de preços, não o de videochamadas) para ser avisado, por notificações, dos alertas de preços que havia configurado. Recebia mais notificações de conteúdo produzido pelo Zoom do que de alertas de preços. Nada contra o conteúdo do Zoom, mas não foi para isso que baixei o app.

Alguns aplicativos oferecem configurações granulares de notificações. Em vez da opção binária embutida no sistema (mostra notificações ou não), eles permitem selecionar quais tipos de notificações deve enviar ao usuário. Idealmente, aplicativos só mandariam notificações estritamente necessárias, mas num cenário não ideal, a configuração granular, como os exemplos acima mostram, é a melhor saída.

“Informações nutricionais” de apps na App Store no iOS 14.3

O iOS 14.3, lançado na última segunda (14), trouxe as listas de “informações nutricionais” dos apps na App Store. As listas de apps historicamente hostis à privacidade do usuário, como Facebook e Instagram, são quilométricas. O vídeo acima mostra as de alguns apps.

Um app gratuito por dia

Até dia 31 de dezembro, o Indie App Santa, iniciativa do estúdio francês App Craft Studio, disponibiliza um aplicativo para iOS com desconto de no mínimo 50% ou gratuitamente. O desta segunda (7) é a licença anual do Remote KeyPad, que transforma iPhones e iPads em extensões de teclado para computadores da Apple.

Traversed (iOS) grátis na App Store

O aplicativo Traversed (iOS) mostra em mapas e estatísticas todos os lugares do mundo onde você esteve sem que você precise preencher qualquer dado. Ele recorre aos meta dados das fotos armazenadas no celular para extrair tais informações. (A concisa política de privacidade garante que nenhum dado jamais deixa o seu celular.) O app custa R$ 4,90, mas está saindo de graça por tempo limitado.

iPhones antigos ganham melhoria em videochamadas feitas pelo FaceTime

O iOS 14.2 trouxe uma melhoria oculta para iPhones antigos — qualquer modelo do iPhone 8 em diante: videochamadas por FaceTime em Full HD (1080p). Até então, a resolução era limitada a 720p. Para usufruir da resolução melhorada, é preciso fazer as chamadas em uma conexão Wi-Fi; no 4G, permanece o limite antigo. Somente os novos iPhone 12 escapam da regra, ou seja, fazem videochamadas em 1080p tanto no Wi-Fi, quanto no 4G/5G. Via MacMagazine.

Os melhores apps de 2020, segundo a Apple

Chegou a vez da Apple escolher os melhores apps de 2020 em suas plataformas. Escolhas estranhas, para dizer o mínimo.

  • Para iPhone, Wakeout!, um app que ajuda o usuário a se movimentar ao longo do dia, com exercícios simples e fáceis, do tipo que dá para fazer em qualquer lugar. Chama a atenção a nota baixa (2,8) na App Store. Lendo os comentários, a bronca dos usuários é pelo fato do app ser “gratuito”, mas só funcionar mediante a assinatura de R$ 47,90/mês.
  • Para iPad, Zoom. Ok, faz sentido, foi um app super influente em 2020, mas, como lembrou Nilay Patel, estranho o melhor app do ano para iPad não suportar recursos nativos do iPadOS, como redimensionamento e multitarefa.
  • Para macOS, Fantastical. Este é uma unanimidade, sempre com recursos de ponta e aquela atenção aos detalhes que se espera dos melhores aplicativos. Na última grande versão, migrou do modelo de pagamento único para assinatura, o que decepcionou alguns usuários.

A lista ainda tem os melhores jogos e algumas categorias extras. Via App Store/Apple.

Como o iOS 14 exige que apps peçam a autorização do usuário para rastreá-lo em outros apps e sites

Três prints mostrando o popup pedindo autorização para rastreamento no Chess Time e, nas duas outras, a nova tela de Rastreamento nas opções de privacidade do iOS 14.
Clique para ampliar.

O iOS 14 trouxe um novo recurso de privacidade chamado App Tracking Transparency (ATT). Ele exige que os desenvolvedores de aplicativos peçam autorização ao usuário para rastreá-lo em outros apps e sites. O ATT foi lançado junto ao iOS 14, em outubro, e a princípio seria obrigatório, mas graças à choradeira de empresas como o Facebook, a Apple adiou a obrigatoriedade do seu uso para o início de 2021.

O não obrigatoriedade não impede que os donos de apps já peçam a autorização dos usuários para rastreá-los. Deparei-me com o primeiro pedido do tipo neste domingo (22), no app Chess Time, da Haptic Apps. Ainda não tinha lido a tradução em português da mensagem. Ela diz:

“[App]” deseja permissão para rastrear você entre apps e sites de propriedade de outras empresas.

A mensagem menor, em texto sem negrito, aparentemente é de responsabilidade do desenvolvedor. A do Chess Time explica que o rastreamento ajudará a personalizar anúncios.

Após o primeiro pedido, uma nova área aparece dentro de Privacidade, nos Ajustes.

iOS 14.2 é lançado com +100 novos emojis

Ninja, mãozinha italiana, esquilo, órgãos realistas… são só alguns dos novos emojis do iOS 14.2, liberado há pouco pela Apple. Como nem só de emojis é feito uma atualização de sistema, ela ainda traz novos papéis de parede, melhorias diversas na integração com o HomePod, um novo botão do Shazam para a Central de Controle e as correções de falhas habituais. Via The Verge (em inglês).

Em tempo: a linha iPhone 12 será lançada no Brasil no dia 20 de novembro. Via Apple.

O site recebe uma comissão quando você clica nos links abaixo antes de fazer suas compras. Você não paga nada a mais por isso.

Nossas indicações literárias »

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!