Logo da NordVPN Anúncio Assine a NordVPN com 68% de desconto e acesse a internet sem preocupações por dois anos.

Contra as grandes: Como tirar das Big Tech o monopólio do futuro

Nota do editor: Alguns meses atrás, a Laura Castanho, que está se formando em Jornalismo pela USP, entrou em contato comigo para perguntar se eu topava escrever um artigo de opinião para a revista Zero, seu trabalho de conclusão de curso. Topei e, com a ajuda dela, o resultado é o que você lê abaixo. A revista impressa (na foto) ficou sensacional e pode ser comprada aqui. Não deixe de dar uma passada no site, no perfil no Instagram e de assinar a newsletter gratuita.


Quando uma startup dá certo — recebe investimento, cresce vertiginosamente, encontra um modelo de negócio rentável e abre capital —, é difícil preservar os traços dos seus primeiros dias. Um que costuma resistir, ainda que apenas por peso simbólico, autoengano ou como lembrete de uma época que ficou para trás, são os slogans e as missões da empresa.

Nas startups de tecnologia, a megalomania e o altruísmo se confundem em algumas das frases usadas pelas que deram certo de acordo com seus próprios critérios. “Não seja mau”, dizia o mantra do Google, cuja missão é organizar e tornar acessível toda a informação da Terra. O Facebook, nascido em um dormitório de faculdade a partir de um site para ranquear as alunas mais atraentes, com fotos obtidas do diretório acadêmico sem a permissão delas, em algum momento dos seus primeiros anos passou a ser uma ferramenta para “conectar o mundo”.

Continue lendo “Contra as grandes: Como tirar das Big Tech o monopólio do futuro”

Mark Zuckerberg está no lado errado da história

Em 1954, a Suprema Corte dos Estados Unidos julgou inconstitucional, por unanimidade, a segregação racial nas escolas do país. Até então, os governos estaduais definiam se alunos brancos e negros seriam misturados ou se cada um iria para uma escola diferente — em sua maioria esmagadora, as escolas frequentadas pelos brancos não eram as mesmas escolas frequentadas pelos negros. Estudos feitos nas décadas seguintes mostraram que as escolas dos brancos recebiam mais dinheiro do governo e eram melhores em qualidade educacional que as escolas dos negros.

Continue lendo “Mark Zuckerberg está no lado errado da história”

Boicotar empresas resolve alguma coisa?

Neste podcast, reflito sobre os boicotes deste início de julho aos aplicativos de entregas (iFood e cia.) e das grandes empresas à plataforma de anúncios do Facebook. No final, recomendo dois filmes brasileiros.

Continue lendo “Boicotar empresas resolve alguma coisa?”

Em carta aberta, ex-funcionários do Facebook cobram outra postura da empresa ao lidar com discursos violentos de políticos

Na última sexta-feira (29), o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, sugeriu em um post nas suas redes sociais que responderia com violência as ações de cidadãos do seu próprio país que protestavam pela morte de George Floyd. O Twitter ocultou o post e limitou sua disseminação, alegando que ele feria suas diretrizes por “glorificar a violência”. O Facebook nada fez e seu CEO, Mark Zuckerberg, está desde então tentando justificar sua decisão, que precede o episódio e data de meados de 2019, quando o Facebook anunciou que não moderaria posts de políticos. A carta abaixo, assinada por algumas dezenas de ex-funcionários, explica muito bem a contradição desse posicionamento com os (supostos) valores da rede social e, em última análise, com os de qualquer país que se diga democrático. Ela foi publicada originalmente no New York Times.

Continue lendo “Em carta aberta, ex-funcionários do Facebook cobram outra postura da empresa ao lidar com discursos violentos de políticos”

Instagram não permite mais que pessoas sem conta vejam fotos e vídeos no computador

O Instagram subiu o muro que separa pessoas que não têm conta na rede social das que sim. Desde pelo menos o último dia 20 de abril, a rede social de fotos do Facebook passou a impedir que pessoas não logadas visualizem fotos e vídeos de perfis públicos em computadores e tablets.

Perfis públicos, ou seja, que não têm o cadeado que restringe o conteúdo somente a seguidores, sempre foram acessíveis independentemente do login. Agora, não mais.

Continue lendo “Instagram não permite mais que pessoas sem conta vejam fotos e vídeos no computador”

Pixels de rastreamento: Como o Facebook e outras empresas sabem quais sites você visita

Passei algum tempo explicando a um repórter como anunciantes rastreiam as pessoas na internet. Nós nos divertimos muito olhando juntos as ferramentas de desenvolvimento do Firefox (não sou especialista em privacidade na internet, mas sei como usar a aba de rede nas ferramentas de desenvolvimento!) e aprendi algumas coisas sobre como o rastreamento de pixels funciona na prática!

Continue lendo “Pixels de rastreamento: Como o Facebook e outras empresas sabem quais sites você visita”

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!