Podcast Guia Prático retorna em parceria com o Gizmodo Brasil

Apenas um rápido aviso: nesta quarta-feira (24), o Guia Prático, o longevo podcast do Manual do Usuário, retorna em parceria com os amigos do Gizmodo Brasil.

A cada 15 dias, eu (Rodrigo Ghedin) conversarei com Guilherme Tagiaroli, Alessandro Feitosa Jr., Erika Nishida e Giovanni Santa Rosa sobre os assuntos mais relevantes do momento na tecnologia. Os programas serão “mesa casts”, ou seja, conversas informais, com cerca de 50 minutos e pouca edição focada na qualidade do áudio.

A exemplo do Tecnocracia, o feed do Guia Prático também mudou. Se você usa o Apple Podcasts ou o Spotify, não precisa fazer nada, pois a migração é automática. Para outros aplicativos, use o feed RSS no campo de busca de novos podcasts: https://manualdousuario.net/feed/podcast/guia-pratico

Qualquer dúvida ou dificuldade, use os comentários ou envie um e-mail. Até quarta!

Acompanhe

Newsletter (toda sexta, grátis):

  • Mastodon
  • Telegram
  • Twitter
  • Feed RSS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 comentários

  1. Bom ter o podcast de volta!

    Espero que continue com aquela pegada mais voltada para o “lado humano e social” da tecnologia.

    1. Maioria dos podcasts “gringos” que ouço e adoro são todos nesse estilo “de pobre brasileiro amador”. Os que tem uma “produção de maior qualidade” seguindo esse modelo aí não são melhores por isso.
      O que importa é o conteúdo, e somente o conteúdo.

      1. não é bem assim: essa dicotomia “forma x conteúdo” é bem problemática (forma É conteúdo).

        a questão é que a tal crítica chata era simplesmente chata mesmo

        1. Essa é uma das maiores verdades. Muitas vezes as pessoas não entendem que a forma é tão importante quanto. Linux é um caso típico: boa parte das inovações da Apple estavam presentes no Linux (na maioria das distribuições) anos antes, contudo, a Apple sempre vence a batalha através da forma.

          Indo mais além, um dos grandes problemas em se fazer trabalho de base nas classes trabalhadoras é exatamente a forma (o conteúdo está lá e é caro à maior parte da população trabalhadora, contudo, o vocabulário altamente elitizado usado pelas lideranças das militâncias e dos partidos (com terminologia bastante afastada da realidade do chão-de-fábrica brasileiro ou mesmo do trabalhador de escritório conservador das grandes cidades) é um grande entrave para que o conteúdo se espalhe de maneira minimamente eficaz. Por outro lado, a linguagem do MEME da direita é facilmente assimilada pelos trabalhadores, principalmente em formas de consumo rápidas como o Whatsapp e Facebook.

          Forma sem conteúdo não se sustenta e conteúdo sem forma não “viraliza”.

          A crítica do editor da FSP era apenas viralatismo e pedantismo, contudo.

        2. Mas o Cris Dias não está criticando o fato de reclamarem que os podcasts no BR são em sua maioria mesa cast?

          1. Nada, ele rebateu um editor da Folha que fez um fio pedante no Twitter reclamando que os podcasts brasileiros são todos “mesa casts” mal feitos enquanto que os gringos são bem editados, e aí usou como exemplo podcasts de rádios públicas como a NPR.

          2. Se não foi isso que eu disse era o que queria dizer.

            Ou estou entendendo tudo errado.

            Ele defendeu os podcast brasileiros.

    1. Tanto o GP quanto o Tecnocracia eu precisei trocar para receber o programa novo.

      A nota de atualização veio para o feed antigo, mas para os novos programas precisei trocar.

  2. Rapaz, por essa eu não esperava.

    e aliás, descobri quem vc era quanto trabalhava para o gizmodo, se não me engano foi numa matéria de uma loja que colocava propaganda na TV
    (alguma coisa eletro, eu acho)

    estou ansioso para o que estar por vir, vida longa do guia prático!!

    OBS: uso o pocketcasts e só precisei assinar o tecnocraria, pois o guia prático ficou no msm feed

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!