Fundo azul, com uma chamada para um PlayStation 5 no centro. À esquerda, a frase “Ofertas de verdade, lojas seguras e os melhores preços da internet.” À direita, “Baixe o app do Promobit”.
Eu não tenho nada a ver com o que quer que o FB [Facebook] esteja fazendo relacionado ao metaverso, além do fato óbvio de que eles estão usando um termo que eu cunhei em Snow Crash. Não houve qualquer comunicação entre mim e o FB e nenhuma relação comercial.

— Neal Stephenson, autor de Snow Crash e criador do termo “metaverso”.

Em 1992, Neal Stephenson cunhou o termo “metaverso” em seu romance Snow Crash. Quase três décadas depois, a palavra virou a nova obsessão do Facebook, o que obrigou o escritor a se posicionar.

O metaverso de Snow Crash é um ambiente viciante, violento, que libera os piores impulsos das pessoas, mas ao mesmo tempo é um entretenimento barato e a base da economia de um país devastado pela pobreza e violência, controlado por empresas. (Tipo o filme Ready Player One, de Steven Spilberg.) Não é à toa que o Facebook não procurou Neal para promover o seu metaverso. Via @nealstephenson/Twitter (em inglês).

Deixe um comentário para Nildo Cancelar resposta

Seu e-mail não será publicado. Dúvidas? Consulte a documentação dos comentários.

3 comentários

  1. Essa descrição do meta verso original do Snow Crash se encaixa perfeitamente no que é o Facebook e seus produtos hoje! Não deve ser coincidência essa mudança de nome agora.

Compre dos parceiros do Manual:

Manual do Usuário