Montagem com cena do filme Mad Max.

Guia Prático #69: O que mudaria com franquia na banda larga fixa?


6/3/16 às 10h41

No programa de hoje, eu (Rodrigo Ghedin), Emily Canto Nunes e Paulo Higa falamos sobre a prisão do vice-presidente do Facebook para a América Latina, feita a pedido da justiça brasileira, e imaginamos como seria a vida se houvesse limite de franquia nas conexão de banda larga fixa. Esse futuro não é legal…

Se preferir, baixe o MP3 e ouça depois. E se você ainda não assinou o programa no seu player de podcasts favorito, tanto via iTunes quanto pelo RSS, faça isso já.

Links citados

Assine o Manual do Usuário

Ao acessar este blog, você não é rastreado ou monitorado por empresas como Google, Facebook e outras de publicidade digital. A sua privacidade é preservada. O Manual do Usuário tenta viabilizar-se por métodos alternativos e éticos. O principal é o financiamento coletivo. Colabore — custa a partir de R$ 9 por mês:

Assine no Catarse

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 comentários

  1. Então amigo, amei seu post, e eu já havia feito uma medição do tipo na minha casa, mas como eu trabalho com TI e sei que medir somente por um ou dois aparelhos não vai me fornecer o total real eu procurei na internet uma ferramenta que me ajudasse a monitorar o meu modem de internet, na verdade tudo começou com minha curiosidade em monitorar meu sinal vdsl da LiveTIM e saber da estabilidade da linha/modem, e acabei encontrando o DSLstats ( http://www.s446074245.websiteh… ) que faz isso de forma maravilhosa no meu modem ( Technicolor TG589vn v3 ).

    Resumindo: eu coletei as informações sobre meu consumo DIRETAMENTE do modem, dando assim uma maior credibilidade dos dados. Moro com minha esposa e raramente recebemos visitantes em casa, tirando assim o uso de wifi por amigos, eu jogo bastante online, temos 2 pcs, 1 smart tv, 2 e-readers e 4 aparelhos android ( 3 celulares e 1 tablet ). Nosso consumo mensal médio são de 500GB por mês. Nós utilizamos bastante o netflix, youtube, google play, eu jogo bastante online e possuo vários jogos instalados que são constantemente atualizados.

    Conclusão, somos um casal nem tão conectado assim, mas temos um hobby de assistir filmes e seriados, jogar e navegar na internet, fazer pesquisa para trabalhos da faculdade ou vida cotidiana mesmo. Eu acho um absurdo querer impor o limite de franquia na internet fixa ainda mais tendo e vista que um casal, 2 pessoas apenas, gasta em média quase 5 vezes o valor máximo de franquia disponibilizado pela Vivo, ridículo.

    Apenas minha contribuição.

  2. Eu certamente mudaria a senha da minha wifi e não ofereceria a nenhum visitante mais, deixaria só para mim e meus pais. Com limite de franquia, e com valores tão baixos para ela, teria que viver fiscalizando, quase como na época dos cadeados nos telefones fixos. Eu também pararia de ver Youtube e vídeos educativos em alta resolução.

  3. É realmente triste ter a banda limitada, ainda mais no meu caso, por exemplo, que onde moro só tem cobertura da Vivo. Para onde mais correria? Prefiro a limitação da banda da Net que nunca existiu na minha antiga casa. O que fazer? Nada, ser vítima do alto preço da Vivo calado, infelizmente. (Como meu contrato é novo já veio com a cláusula de limitação de banda a partir de 2017) =/

  4. Os serviços de streaming serão os mais afetados. Eu mesmo deixaria de assistir a muita coisa, priorizando alguns poucos canais do youtube e 1 ou duas séries. Configuraria a qualidade para a menor possível, afim de economizar.

    Mas acho que surgiriam planos como Youtube free, ou Spotify free que não descontaria os dados da franquia. Algo parecido com o que acontece com WhatsApp, Bradesco, e Deezer no plano da Tim.

    Será um futuro lastimável…

  5. Ghedin, seria interessante vc fazer umas marcas de tempo que mostra quando o assunto muda. Por exemplo nesse podcast eu não me interessava pela assunto da prisão, apenas do limite da banda, e é bem difícil achar quando começam a falar sobre isso

  6. Com a corrupção que impera no governo e no legislativo ficaria impressionado apenas se a Anatel tomasse uma posição diferente da atual.

    Com relação ao WhatsApp/Facebok acho que é a primeira vez que vejo uma pessoa da área de jornalismo não acreditar nas informações oficiais e tratar disso tão abertamente – ponto para a Emiliy.

  7. Com a corrupção que impera no governo e no legislativo ficaria impressionado apenas se a Anatel tomasse uma posição diferente da atual.

    Com relação ao WhatsApp/Facebok acho que é a primeira vez que vejo uma pessoa da área de jornalismo não acreditar nas informações oficiais e tratar disso tão abertamente – ponto para a Emiliy.

    1. É sim! Chegamos a falar em Cortana na discussão de pauta, mas pela falta de tempo e relevância dos outros temas, não entrou.

      Em breve falaremos bastante de Microsoft :)