Guia Prático #118: o cyberbullying da vida real


24/4/17 às 1h51

Neste final de semana prolongado, eu (Emily), Samir Salim Jr. e nosso convidado especial, Helton Simões Gomes, repórter de Tecnologia do G1, tiramos a manhã de domingo (23) para falar de um tema espinhoso: cyberbullying. As inúmeras reportagens sobre o desafio da “Baleia Azul” e a polêmica em torno da mais recente série da Netflix “13 Reasons Why” nos trouxeram a esse assunto que não é fácil, mas precisa ser debatido.

Se preferir, baixe o MP3 para ouvir depois. E assine o programa, via iTunes ou pelo RSS, para não perder nenhum episódio futuro.

Links relacionados

Cadê os anúncios?

O Manual do Usuário é um projeto independente, que se propõe crítico e que respeita a sua privacidade — não há scripts de monitoramento ou publicidade programática neste site. Tudo isso sem fechar o conteúdo para pagantes. Essas características são vitais para o bom jornalismo que se tenta fazer aqui.

A viabilidade do negócio depende de algumas frentes de receita, todas calcadas na transparência e no respeito absoluto a você, leitor(a). A mais importante é a do financiamento coletivo, em que leitores interessados sustentam diretamente a operação. A assinatura custa a partir de R$ 5 por mês — ou R$ 9/mês para receber recompensas exclusivas:

Assine no Catarse

Newsletter

Toda sexta-feira, um resumo do noticiário de tecnologia, indicações de leitura e curiosidades direto no seu e-mail, grátis:


Nas redes sociais, notícias o dia todo:
Twitter // Telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 comentários

  1. Baleia azul é um hoax, nenhum brasileiro morreu por causa disso até agora.
    É como se a mídia começasse a divulgar que roleta russa virou febre entre a criançada, toda esquina tem gente explodindo a cabeca, precisamos cuidar de nossas criancas… Não existe! São casos absurdamente isolados.

    Em relação ao web bullyng. O mais problemático é que ele nunca acaba! Antes de ir dormir tem gente te mandando uma mensagem fazendo lembrar de algo que te deixa profundamente humilhado. Antigamente havia uma barreira, saiu dá escola (ou ambiente onde ocorre o bullyng) você poderia ter uma vida saudável. Isso não existe mais!

  2. Só vim aqui pra parabenizar a moça Emily.
    Conseguiu dar sua cara ao Guia Prático e também ao Manual do Usuário sem mudar muita coisa e, de quebra, trouxe temas diferentes para debate.

    Parabéns, moça.