O modo privado dos navegadores web não é privado nem anônimo

5/7/18

Todo navegador web moderno oferece um “modo privado” ou “anônimo”. Acessar sites com ele ativado significa que o navegador não salvará o histórico de páginas visitadas, dados de formulários, cookies e quaisquer arquivos temporários gerados pelo usuário. Não significa, apesar do contrassenso, que a navegação é de fato privada ou anônima. Continuar lendo O modo privado dos navegadores web não é privado nem anônimo

Como converter um arquivo em Markdown para HTML direto para a área de transferência

12/6/18

Esta dica é bem específica, daquelas que poucos leitores do Manual do Usuário precisam, mas que, se você for um desses, resolverá um problema corriqueiro com elegância e celeridade, ou seja, o tipo de dica que a gente gosta. Trata-se de converter formatos de texto por comandos no Terminal. (Parece monótono, mas venha comigo!) Continuar lendo Como converter um arquivo em Markdown para HTML direto para a área de transferência

Quais dados o WhatsApp guarda dos usuários e como solicitar os seus

28/5/18

Por força do Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados (GDPR, na sigla em inglês) da União Europeia, diversos aplicativos e serviços tiveram que mudar políticas de privacidade e disponibilizar os dados que mantêm dos usuários acessíveis a eles. Além de subir a idade mínima dos usuários para 16 anos na Europa, o WhatsApp também liberou uma ferramenta de download de dados — e, felizmente, ela está disponível no mundo todo. Continuar lendo Quais dados o WhatsApp guarda dos usuários e como solicitar os seus

Como seria a sua timeline no Twitter há dez anos com quem você segue hoje

25/5/18, 18h08

25/5/18

Se você já estava no Twitter há dez anos (estamos ficando velhos), entre na rede social e clique neste link. Ele busca tweets de dez anos atrás dos perfis que você segue hoje, criando uma timeline direto do túnel do tempo.

Outra brincadeira legal é ver o que você publicava há uma década. Para isso, copie a URL abaixo, troque “nome” pelo seu perfil e dê Enter:

https://twitter.com/search?f=tweets&q=filter%3Afollows%20until%3A2008-05-25%20-filter%3Areplies%20from%3Anome&src=typd

Repare que no meio aparece uma data. Você pode editá-la para ver outras eras do Twitter.

Dica do Andy Baio.

Se a política de privacidade de um app é ruim para a União Europeia, ela é ruim para você também

8/5/18

No próximo dia 25, o Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados (GDPR, na sigla em inglês) entra em vigor na União Europeia. Trata-se de uma nova legislação que enrijece os deveres das empresas que coletam dados pessoas. É por isso que você tem recebido um punhado de notificações e e-mails avisando de mudanças nas políticas de privacidade de apps e sites. E é pelo mesmo motivo que o Unroll.me deixará de operar na Europa, segundo o TechCrunch. Continuar lendo Se a política de privacidade de um app é ruim para a União Europeia, ela é ruim para você também

Veja como é o seu perfil no Facebook que é oferecido a anunciantes

12/4/18

O sucesso financeiro do Facebook deriva da sua incrível capacidade de direcionar anúncios. A rede social consegue determinar quem você é, quais as suas preferências e hábitos, e com base nesse perfil, direcionar anúncios que têm maior apelo a você.

Em uma parte obscura do site, é possível ver como o Facebook te vê. Clique aqui para acessá-la. Continuar lendo Veja como é o seu perfil no Facebook que é oferecido a anunciantes

Ficou mais fácil remover apps vinculados à sua conta no Facebook

4/4/18

O escândalo da Cambridge Analytica foi possível porque o Facebook permite que apps de terceiros se conectem aos perfis dos usuários. É um aspecto importante da chamada Plataforma Facebook. Graças a isso, é possível fazer login em apps e serviços de terceiros com apenas um clique, vinculando sua conta do Facebook (e fornecendo dados dela) a apps que conversam com a rede social. Continuar lendo Ficou mais fácil remover apps vinculados à sua conta no Facebook