Novo menu e √°reas para leitores cadastrados.

Quem tem uma conta gratuita no Manual do Usu√°rio (crie a sua) ganhou duas novas √°reas no site: uma que lista todos os coment√°rios feitos e outra com todas as conversas publicadas no √ďrbita. Elas est√£o no nov√≠ssimo menu principal, que foi consolidado e simplificado.

Print do menu do site do Manual do Usu√°rio mostrando as novas √°reas (‚ÄúMeus posts‚ÄĚ e ‚ÄúMeus coment√°rios‚ÄĚ).

Agradecimentos √† Clarissa Mendes, que desenhou e programou o novo menu, e ao Renan Altendorf, que desenvolveu as p√°ginas de coment√°rios e posts. Todo o c√≥digo das novidades √© aberto e j√° est√° nos nossos reposit√≥rios (√ďrbita, tema Dez)

Markdown e edição nos comentários e liberação do código-fonte do tema para WordPress

Duas novidades legais para quem comenta no Manual do Usu√°rio:

  • O campo de coment√°rio agora suporta Markdown, uma sintaxe de formata√ß√£o para texto puro. Use com responsabilidade!
  • Agora √© poss√≠vel editar coment√°rios rec√©m-publicados. Ao enviar um, aparece um contador de dois minutos e um link de edi√ß√£o. Clique/toque nele para corrigir erros, acrescentar ou remover alguma informa√ß√£o ou excluir o coment√°rio. Este recurso √© exclusivo para leitores cadastrados ‚ÄĒ o cadastro √© gratuito.

Outra novidade, há muito pendente, é a liberação do tema para WordPress usado aqui no site.

Intitulado Dez (em alusão ao aniversário de dez anos do Manual, em outubro próximo), o código foi disponibilizado em nosso projeto no Codeberg.

Al√©m de poder ser usado em outros sites WordPress, a libera√ß√£o do c√≥digo abre ele para contribui√ß√Ķes externas. Viu algo que pode ser melhorado? Submeta o c√≥digo. (Eu que fiz o tema, logo √© bem prov√°vel que haja bastante coisa que pode ser melhorada ūüėĄ)

Relat√≥rio de transpar√™ncia (junho‚Äďjulho de 2023) dos coment√°rios do Manual do Usu√°rio

O relat√≥rio de transpar√™ncia referente ao bimestre junho‚Äďjulho de 2023, do Comit√™ de Supervis√£o do Manual do Usu√°rio, pode ser baixado aqui (PDF).

***

Em junho e julho de 2023, interferi em apenas sete comentários/casos nas conversas que rolaram no site. Isso representa 0,16% do total de 4.133 comentários aprovados no período.

Embora n√£o consiga lembrar de casos espec√≠ficos, sinto que fui mais tolerante com abordagens e declara√ß√Ķes de que discordo pessoalmente. Tra√ßar essa linha, que separa o intoler√°vel do que d√° margem ao debate, √© o principal desafio na modera√ß√£o de um espa√ßo como o Manual.

A regra #2, invocada tantas vezes que chamou a atenção do Comitê de Supervisão, preconiza a boa convivência entre quem pensa diferente.

Mais uma vez, agradeço à Cíntia, ao Emanuel e à Michele por terem topado essa iniciativa e pelo trabalho que vêm fazendo no Comitê.

Novidades no √ďrbita e altera√ß√Ķes nos perfis de usu√°rios

Nas √ļltimas duas semanas, o √ďrbita, nosso plugin de c√≥digo aberto que cria um espa√ßo para conversas no site, ganhou algumas atualiza√ß√Ķes importantes, fruto do trabalho do Renan Altendorf:

  • Redirecionamento autom√°tico ao publicar uma conversa ou link. Antes, por uma limita√ß√£o t√©cnica, havia uma tela entre a do formul√°rio de publica√ß√£o e a do post em si. Essa tela foi removida.
  • Links para v√≠deos do Dailymotion, Vimeo e YouTube agora puxam o player do respectivo site direto para o post no √ďrbita.
  • √ćcones/emojis informativos (ūüí¨ para conversas, ūüĒí para coment√°rios fechados) foram trazidos para o in√≠cio do post. O do cadeado, antes inserido manualmente, agora √© autom√°tico.
  • Corre√ß√£o de URLs com par√Ęmetros em links externos. Antes, o ? do primeiro par√Ęmetro se repetia nos acrescidos pelo √ďrbita. Agora o plugin identifica se j√° existe um ? na URL e, em caso positivo, acrescenta os do √ďrbita iniciando com um &. (Isso √© meio t√©cnico; na pr√°tica, URLs com par√Ęmetros n√£o quebram mais quando publicadas no √ďrbita.)
  • Havia uma pequena falha na valida√ß√£o da exist√™ncia do(a) usu√°rio(a) que estava gerando erros nos logs do WordPress devido a contas exclu√≠das. Foi adicionada uma verifica√ß√£o que eliminou esses erros.
  • Ainda em testes, foram adicionados ‚Äúcapabilities‚ÄĚ espec√≠ficas para o √ďrbita no WordPress. Na pr√°tica, isso permitir√° a cria√ß√£o de ‚Äúcargos‚ÄĚ de moderador e, talvez, at√© a edi√ß√£o de coment√°rios e posts pelos pr√≥prios usu√°rios.

Aproveitei o embalo para fazer algumas mudan√ßas e melhorias para pessoas cadastradas no site/√ďrbita:

  • Removi o campo de envio do avatar. Havia dois poss√≠veis, o interno (que foi removido) e o ligado ao Gravatar. Ficou s√≥ o √ļltimo. Para adotar ou alterar seu avatar, crie uma conta no Gravatar e cadastre o e-mail que voc√™ usa para comentar aqui (ou que est√° em seu cadastro no site).
  • Agora, ao logar, aparece um link no menu principal que leva √† edi√ß√£o do perfil. √Č poss√≠vel alterar nome de exibi√ß√£o, e-mail e outros detalhes.
  • Para evitar ru√≠do e preservar a privacidade dos demais leitores/usu√°rios, editei o painel administrativo do WordPress (com o plugin Adminimize) para remover √°reas em que informa√ß√Ķes pessoais ficavam expostas. Agora, quando algu√©m edita o perfil no painel do WordPress, s√≥ consegue ver isso, o pr√≥prio perfil.

Desativamos a inst√Ęncia do Libreddit no PC do Manual.

O Libreddit, ‚Äúcasca‚ÄĚ alternativa para acessar o Reddit com mais privacidade e velocidade, foi descontinuado no PC do Manual, nosso servidor de aplica√ß√Ķes web de c√≥digo aberto.

Outras inst√Ęncias t√™m sofrido com as mesmas instabilidades que est√°vamos enfrentando, todas elas decorrentes de limita√ß√Ķes artificiais impostas pelo Reddit.

Jojo j√° havia avisado do problema, e eu mesmo passei a topar com erros no Libreddit. Nos √ļltimos dias, ele estava mais fora do ar do que de p√©, a√≠ tomamos a decis√£o de puxar o fio da tomada.

Desculpem o transtorno. Seguimos com Nitter, Miniflux e, em breve (já está em testes), Linkding (conheça o projeto).

Manual é objeto de monografia na UFRGS

O Manual do Usu√°rio foi objeto de an√°lise de uma monografia do curso de jornalismo da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).

Matheus da Rocha Leite, orientado pelo professor Marcelo Träsel, analisou o Manual à luz dos conceitos do Slow Journalism, um movimento que prega outra forma de fazer jornalismo, com menos celeridade e maior preocupação com aspectos como transparência e a relação entre veículo e audiência.

Na monografia, Matheus faz contextualiza a crise do jornalismo, conceitua e apresenta as oportunidades que o Slow Journalism oferece, e faz uma análise de como o Manual implementa (ou não) as características do movimento.

Fiquei lisonjeado em ter meu trabalho escolhido como objeto de pesquisa e muito contente com o resultado. A monografia já está disponível, na íntegra, no site da UFRGS.

Aviso de migração de servidor.

Neste s√°bado (15), o Manual do Usu√°rio ser√° migrado para um novo servidor, da Automattic/WordPress.com.

Faremos um esfor√ßo para que a migra√ß√£o aconte√ßa da maneira mais tranquila poss√≠vel. Mesmo assim, coment√°rios e posts no √ďrbita publicados durante o processo poder√£o ser perdidos.

Quando tudo estiver finalizado, aviso por aqui mesmo. Obrigado pela compreens√£o!

Atualização (16/7, às 8h30): Se você estiver lendo isto, significa que a migração foi concluída com sucesso e seu acesso já está sendo feito a partir do novo servidor. Caso encontre algo quebrado, por favor, avise nos comentários ou por e-mail. Valeu!

Manual em um universo alternativo

Em meados de 2019, publiquei algumas mat√©rias em uma s√©rie que batizei de ‚ÄúUniverso alternativo‚ÄĚ. Eram hist√≥rias de aplicativos e ambientes digitais populares no Brasil, at√© ent√£o ignorados pela imprensa.

Em julho, farei um experimento no Manual do Usuário que me remete a algo de um universo alternativo: ao longo do mês, usarei todas as redes sociais, até as mais tóxicas, como Twitter, Facebook e Instagram, para espalhar os textos, vídeos e tudo mais que produzir aqui.

Continue lendo “Manual em um universo alternativo”

De volta ao Mastodon

Quando subimos um servidor próprio para a presença do Manual no fediverso, optei pelo Microblog em vez do Mastodon.

Isso pode soar complexo ‚ÄĒ como muitas coisas do fediverso ‚ÄĒ, mas vamos l√°: no fediverso, diferentes softwares/aplica√ß√Ķes podem ‚Äúconversar‚ÄĚ entre si usando o mesmo protocolo. No caso, o ActivityPub. Al√©m desses dois, existem ainda o GoToSocial, Misskey, Calckey, Pleroma‚Ķ s√≥ entre os similares ao Twitter. O fediverso √© amplo.

O Microblog é uma aplicação mais leve que o Mastodon, feita para ser usada por apenas um usuário. Funciona bem, é compatível com bastante coisa do Mastodon/fediverso, mas, ao longo dos meses, parece ter sido abandonada. Tickets no fórum de suporte ficam semanas sem resposta, não por falta do que fazer, mas por falta de tempo dos desenvolvedores.

Por isso, nessa segunda (25) voltei ao Mastodon. No caso, estou no mastodon.social, o servidor dos desenvolvedores do Mastodon.

Fiz essa op√ß√£o para evitar os dramas do fediverso brasileiro e, assim, manter abertos os canais de comunica√ß√£o com o maior n√ļmero de comunidades nacionais poss√≠vel.

Quem já me acompanhava no Microblog ou em outros perfis no fediverso foi migrado automaticamente para o novo. Quem ainda não, é só pesquisar por @manualdousuario@mastodon.social e seguir o perfil.

Comit√™ de Supervis√£o publica primeiro relat√≥rio comentando decis√Ķes de modera√ß√£o do Manual

O primeiro relatório de transparência do Comitê de Supervisão do Manual do Usuário pode ser baixado clicando aqui (PDF).

***

Uma comunidade √© reflexo do cuidado que se tem com ela. Fomentar debates, estimular trocas saud√°veis e combater abusos s√£o tarefas indispens√°veis em qualquer ambiente digital que re√ļna pessoas e se queira agrad√°vel.

Desde a sua concep√ß√£o, o Manual do Usu√°rio dedica tempo e esfor√ßo para cultivar um espa√ßo nos coment√°rios. √Č um trabalho perene e, no geral, tranquilo. Vez ou outra uma discuss√£o mais acirrada ou o surgimento de ‚Äútrolls‚ÄĚ demandam a minha interfer√™ncia, por√©m.

Em abril de 2023, algumas decis√Ķes minhas na modera√ß√£o dos coment√°rios geraram questionamentos leg√≠timos de leitores. Relatei a situa√ß√£o aos assinantes e um deles sugeriu uma esp√©cie de ‚Äúcomit√™ de supervis√£o‚ÄĚ. Achei a ideia √≥tima.

Este relat√≥rio √© o primeiro fruto daquela ideia. A cada dois meses, o comit√™ revisar√° as minhas decis√Ķes. Todo ano, um novo comit√™ ser√° eleito entre os assinantes.

Moderar implica na tomada de decis√Ķes a todo momento, com um poder muito maior que os leitores regulares t√™m. N√£o quero que o Manual seja visto como o dom√≠nio de um ditador; isso afastaria vozes dissonantes e, no fim, empobreceria os nossos debates. O comit√™ √© mais uma medida para evitar que tal situa√ß√£o se configure.

Agradeço à Cíntia Reinaux, ao Emanuel Henn e à Michele Strohschein por terem topado essa iniciativa e pelo excelente trabalho realizado.

Chegou o deskmat do Manual do Usu√°rio

A Kumori e o Manual do Usuário se uniram para lançar um deskmat com as nossas marcas.

Feito em feltro de l√£ merino, o deskmat tem uma cor s√≥bria, que combina com tudo, e, no detalhe, os logos do Manual e da Kumori. Ele mede 90×40¬†cm, tem a base emborrachada e uma costura bem discreta nas extremidades.

Já estou usando o meu e é uma delícia. A lã merino é aconchegante e o mouse desliza suave por sobre ela.

A tiragem limitada (são só 50, digo, 49 unidades) do deskmat do Manual do Usuário está à venda na loja virtual da Kumori e, em breve, na Amazon e no Mercado Livre.

Para quem assina o Manual, a Kumori oferece 10% de desconto em toda a loja ‚ÄĒ o que inclui o nosso deskmat. Assinante, veja seu e-mail para pegar o cupom.

Algumas fotos:

Continue lendo “Chegou o deskmat do Manual do Usu√°rio”

Assinantes do Manual ganham acesso ao Miniflux

Print do Miniflux com o feed do Manual do Usu√°rio aberto, em uma janela do Safari para macOS.
Imagem: Manual do Usu√°rio.

O PC do Manual, nosso servidor de aplica√ß√Ķes web, ganhou um novo produto: o Miniflux, um agregador de feeds RSS.

Talvez a maneira mais fácil de explicar o Miniflux seja dizer que é tipo o Google Reader, só que de código aberto, elegante e cheio de recursos legais.

Com o Reddit implodindo e as outras redes sociais cada vez mais t√≥xicas, o momento √© prop√≠cio para (re)descobrirmos os feeds RSS ‚ÄĒ um jeito mais saud√°vel de acompanhar not√≠cias e novidades na web.

O acesso ao Miniflux é mais um benefício da nossa assinatura. A partir de R$ 9 por mês, você ganha acesso a ele e ajuda a manter este Manual no ar. Conheça os planos e como assinar.

Para quem já é assinante: verifique sua caixa de entrada para saber como ativar sua conta no Miniflux. Caso o e-mail não tenha chegado aí, fale comigo.

Agradecimentos ao Jonatas ‚ÄúJojo‚ÄĚ Baldin, que assumiu as aplica√ß√Ķes web/PC do Manual e fez a instala√ß√£o, configura√ß√£o e backup do Miniflux.